Por pbagora.com.br

A polícia civil está investigando o caso de um homem que foi baleado na virilha em frente à igreja Universal da avenida Cruz Cabugá. Adanus Gonzaga Lino da Silva, 22 anos, foi baleado por volta das 16h50 deste sábado (22) quando estava passando na frente do local com a família.

Familiares de Adanus disseram que dois homens estavam urinando no muro da igreja quando dois seguranças da igreja, que também são policiais militares, foram até a calçada e teriam confundido Adanus com um dos homens. Segundo a polícia, houve bate-boca entre familiares de Adanus e os seguranças. Logo depois, um dos seguranças teria disparado o tiro que atingiu a vitima.

Os seguranças então entraram de volta no prédio e ninguém da igreja teria prestado socorro á vítima. Um tenente da CipCães que trabalha no Galo da Madrugada socorreu Adanus, que continua internado no Hospital da Restauração.

O delegado Marcos Pereira, responsável pelo caso, pediu ao pastor da igreja Jomar Santos a lista com os nomes dos doze seguranças que trabalham no local e também imagens do circuito interno de TV. Dois policiais militares – um do 13°BPM e outro da Radiopatrulha – que estavam trabalhando como seguranças particulares da igreja na tarde ontem já prestaram depoimento. Eles disseram que eram inocentes.

 

diariodepernambuco.com.br

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Criança de 2 anos atropelada por moto está na UTI, no bairro do Valentina, em JP

A criança de dois anos atropelada por uma motocicleta, na noite de ontem (22), continua internada com estado de saúde considerado grave. O acidente aconteceu em uma praça do bairro…

Catador de recicláveis é morto com tiros no rosto em João Pessoa

Um homem de 39 anos, conhecido como “Zé Doido”, foi morto no Loteamento Parque do Sol, região do Valentina Figueiredo, na noite dessa quarta-feira (22). As informações apontam que ele…