Por pbagora.com.br

A Polícia Federal na Paraíba deflagrou na manhã desta quinta-feira (13) uma operação para desarticular um grupo criminoso especializado na realização de fraudes bancárias mediante uso de documentos falsos, como obtenção de empréstimos consignados, de financiamentos bancários, de restituição antecipada de imposto de renda e abertura de contas bancárias de passagem.

A investigação policial demonstrou que integrantes do grupo criminoso acessam bancos de dados de instituições financeiras e de órgãos públicos para obter dados e forjar documentos que são utilizados para realização de fraudes bancárias.

Estão sendo cumpridos 11 mandados de busca e apreensão nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Sousa, Recife e Natal.

A Operação Quimera 1.5 conta com a participação de 48 policiais federais.

A estimativa é de que o grupo criminoso tenha causado um prejuízo de R$ 4 milhões

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem é baleado na mão e na perna no bairro dos Ipês

Nesta quinta-feira (21), um jovem de 21 anos ficou ferido depois de ser baleado nesta  no Bairro dos Ipês, em João Pessoa. Segundo as informações da Polícia Militar (PM) ele foi…

Polícia apreende arma, drogas e pé de maconha em Santa Rita

A Polícia Militar apreendeu um revólver, munições, quase 40 embalagens com drogas prontas para a venda e um pé de maconha em mais uma ação de combate ao tráfico de…