O Centro Integrado de Operações Policiais registrou duas ocorrências de “saidinha de banco” na tarde desta quarta-feira (04) em João Pessoa. Somando ambos os assaltos, bandidos faturaram R$ 40 mil.

Por volta das 13h30m funcionários de uma casa de recepções localizada na Avenida Epitácio Pessoa, na Capital, foram surpreendidos por assaltantes. Os bandidos roubaram a quantia de R$ 20 mil que as vítimas haviam acabado de sacar duas agências bancárias.

Segundo informações, as vítimas se deslocavam para a casa de recepções a bordo de um veículo modelo Honda Civic, cor preta, placas MOH 7772, que também foi roubado pelos criminosos. O veículo foi encontrado cerca de duas horas depois do crime, abandonado no estacionamento no Espaço Cultural José Lins do Rego, no bairro de Tambauzinho.

A segunda ocorrência desta natureza foi registrada pela Polícia no bairro do Cristo Redentor. Na ocasião, a vítima tentou reagir a ação dos bandidos e foi atingida por um disparo de arma de fogo no rosto.

Segundo informações, um homem sacou a quantia de R$ 20 mil em uma agência bancária da Capital, foi seguido até o bairro do Cristo Redentor, quando os criminosos resolveram dar o “bote”.

Testemunhas afirmam que ao ser abordado pelos bandidos a vítima reagiu ao assalto e foi ferida de raspão por um disparo de arma de fogo no rosto.

Os assaltantes fugiram em uma motocicleta Honda Bross, cor vermelha, placa não identificada. A vítima foi socorrida ao Hospital de Emergência e Trauma, recebeu os devidos atendimentos médicos e foi liberada em seguida.

Em ambos os casos a Polícia não possui pistas dos assaltantes

Thiago Moraes
PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Gato em 4 propriedades de Boqueirão seria suficiente para abastecer 946 casas por 1 ano

Ontem, 22 de agosto, Energisa e Polícia Civil realizaram uma operação especial na zona rural de Boqueirão, região metropolitana de Campina Grande. A ação foi programada após o Centro de…

MP deflagra operação contra coronel do Corpo de Bombeiros e empresa de engenharia, em JP

O Ministério Público deflagrou uma operação em um prédio do Altiplano Cabo Branco, em João Pessoa. As primeiras informações são de que o alvo seria o apartamento aonde reside um…