O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, passou a contar, nesta terça-feira (7), com uma estrutura auxiliar que será empregada como local de manutenção dos equipamentos usados no tratamento de pacientes internados com a Covid-19. A ação é resultante de uma parceria com o 31º Batalhão de Infantaria Motorizado, que montou nove barracas no estacionamento da unidade de saúde.

De acordo com o diretor administrativo do Trauma de Campina Grande, Pedro Segundo, a estrutura montada servirá de apoio para que possam ser realizadas nelas as manutenções preventivas e corretivas dos equipamentos que serão destinados ao plano de enfrentamento da pandemia do coronavírus em um ambiente arejado, protegido de sol e chuva, ofertando segurança e comodidade aos colaboradores da unidade hospitalar.

“Agradecemos ao 31º Batalhão de Infantaria Motorizado pelo apoio irrestrito, nos oferecendo essa estrutura física para executamos nosso serviço de retaguarda à assistência ao paciente”, destacou Pedro.

O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes está preparando duas enfermarias – uma com 30 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e outra com 30 leitos de internação regular – destinadas aos pacientes que precisem de suporte médico-hospitalar por causa da Covid-19.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia prende suspeito de assaltos a farmácias em João Pessoa

A Polícia Militar prendeu em flagrante um homem que vinha sendo apontado como autor de vários roubos a farmácias da Zona Sul da Capital, neste período de isolamento social. A…

Jardineiro de Maranhão morre por Covid-19 e senador presta homenagem: “Trouxe flores para o meu lar”

O senador José Maranhão prestou uma homenagem ao seu jardineiro, que faleceu na noite dessa quarta-feira (3), vítima do novo coronavírus. Nas suas redes sociais Maranhão ressaltou a amizade que…