Por pbagora.com.br

O pedido da defesa do irmão do ex-governador Ricardo Coutinho, Coriolano Coutinho, para a retirada da tornozeleira eletrônica imposta como Medida Cautelar aos investigados no âmbito da Operação Calvário, foi negado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), nessa quarta-feira (11).

O pedido de retirada também foi indeferido para o ex-governador Ricardo Coutinho e a prefeito de Conde, Márcia Lucena.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mega-Sena: ninguém acerta dezenas e prêmio vai a R$ 7 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.322 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (28) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. O prêmio acumulou.…

CG: lei reconhece academias de ginástica e similares como serviço essencial

Nesta quinta-feira (26), o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, publicou no Semanário Municipal, o reconhecimento da atividade das Academias de ginástica, Estúdios de Musculação, de esportes, artes marciais e…