A programação financeira do mês de março elaborada pela Secretaria de Estado das Finanças já está em fase de conclusão. A informação foi concedida na
tarde desta quarta-feira, dia 18, pelo secretário responsável pela pasta,Marcos Ubiratan. Segundo o secretário, para a programação ser concluída
resta apenas a inclusão da folha de pessoal da administração direta eindireta do Poder Executivo, cuja elaboração é de responsabilidade da
Secretaria de Estado da Administração.

De acordo com as informações, a receita do Estado para o período de 1 a 30de março está prevista em R$ 277 milhões, já consideradas as reduções de R$
6 milhões de ICMS e de R$ 26 milhões do FPE, ambas em relação ao mês defevereiro.

Sobre o saldo de R$ 153 milhões, remanescente do governo anterior, o secretário respondeu que nada será utilizado. “Não utilizaremos nem um
centavo. Primeiro, porque os órgãos já aplicaram a maior parte dessesrecursos, na liquidação de seus compromissos. Segundo, porque o saldo ainda
remanescente pertence a esses órgãos e não à Secretaria. Para as Finanças écomo se não existisse saldo. Estamos trabalhando com a receita efetiva de
março”, afirmou o secretário.

A liberação dos recursos financeiros para todos os Poderes, inclusive órgãos da administração direta e indireta do Poder Executivo, deve ter início a
partir desta sexta-feira, dia 20, após a finalização da programação financeira, e deve ser concluída até o dia 31 de março.

O duodécimo dos Poderes Legislativo, Judiciário, Ministério Público e da Defensoria Pública também será liberado dentro da normalidade, e obedece a
proporcionalidade da receita arrecadada. O custeio dos órgãos do Poder Executivo terá a retenção momentânea de 10% para atender aos limites da
redução da receita do período. “Essa redução será disponibilizada tão logo haja suficiência de caixa” concluiu o secretário Marcos Ubiratan.

Secom-PB

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ex-prefeito de Nova Floresta é condenado por contratar ‘fantasma’

O ex-prefeito do Município de Nova Floresta, João Elias da Silva Neto, e a ex-funcionária municipal, Saienily Mayara de Lima Porto, foram condenados pela prática de ato de improbidade administrativa…

Servidores do Judiciário realizam nova paralisação na Paraíba

Os servidores do judiciário realizam nesta quarta-feira, dia 04, mais um dia de mobilização, fechando os Fóruns da Paraíba por duas horas. Em João Pessoa, além de fechar os Fóruns,…