Nesse domingo (16), o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), em João Pessoa, foi acionado pela terceira vez para atender o comunicador Fabiano Gomes no PB-1, onde está preso há 25 dias após descumprir medidas cautelares no âmbito da Operação Xeque-Mate.

De acordo com informações do Samu, o comunicador sente muitas dores e tem feridas nas pernas ocasionadas pela diabetes.

Recentemente a defesa de Fabiano, em coletiva de impressa, revelou que entrou com pedido de prisão domiciliar justamente pela necessidade que o comunicador tem de cuidados de saúde regulares.

PB Agora

Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem morre após acidente com duas motos e um caminhão na PB

Em mais um acidente de trânsito, um homem morreu, na manhã desta quinta-feira (22), na BR-230, na cidade do município de Bayeux e entrada para João Pessoa. O acidente envolveu…

Operação na PB cumpre mandados por tráfico, homicídios e roubos no Cariri

Combate ao crime. Uma operação desencadeada pelas Polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros cumpre 39 mandados de busca e apreensão, prisão temporária e prisão preventiva. A operação acontece…