Por pbagora.com.br

Pesquisa comparativa da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP), realizada no dia 8 de abril, encontrou o preço do gás de cozinha oscilando entre R$ 83,00 (SOS Gás – Torre) e R$ 98,00 (Marcadinho Pedro Gondim – Pedro Gondim) para pagamento à vista ou no cartão, registrando diferença de R$ 15,00. O Procon-JP também levantou preços para o botijão de 20 litros da água mineral.

Com relação à pesquisa do gás de cozinha, a variação do preço do produto, tanto para pagamento à vista quanto no cartão de crédito está em 18,1%, mas as médias dos preços estão entre R$ 88,58 (à vista) e R$ 90,89 (cartão). O Procon-JP visitou 19 estabelecimentos de João Pessoa. O secretário Rougger Guerra salienta que os preços do produto continuarão a ser monitorados, principalmente quando houver anúncio de aumento por parte das distribuidoras, como ocorreu esta semana.

Ele acrescenta que, “além de indicar onde comprar o gás de cozinha mais barato, o levantamento de preços da Secretaria vai acompanhar o comportamento dos preços praticados junto ao consumidor. Nesta pesquisa, registramos que o menor preço subiu R$ 3,00 em relação ao levantamento realizado em março”.

Os menores preços – A pesquisa do Procon-JP encontrou os menores preços para pagamento à vista nos estabelecimentos Vando Gás (Mangabeira), ADM Gás (Alto do Mateus), Nunes Gás (Bancários) e Josimar Gás (Cristo), R$ 85,00; e em Zé do Gás (Ilha do Bispo), R$ 86,00.
Pontos de revenda – A pesquisa de preços do Procon-JP foi realizada nos seguintes locais: Depósito Pecorelli (Jaguaribe);  Arlete Gás (Manaíra); Zé do Gás (Ilha do Bispo); Casa do Gás (Treze de Maio); Depósito D’Almir (Bairro dos Estados); Britos Distribuidora (Expedicionários); Mercadinho Pedro Gondim (Pedro Gondim); SOS Gás (Torre); Beto Gás (Monsenhor Magno/Valentina); Gravatá Gás (Valentina I/Boa Esperança); Vando Gás e Água (Mangabeira); Isaquiel Gás (Miramar); Ricardo Gás (Jaguaribe); ADM Gás (Alto do Mateus); Real Gás, Nunes Gás e Bancários Gás  (Bancários); e Log Gás (Geisel); Josimar Gás (Cristo).

Água mineral – O Procon-JP realizou, ainda, pesquisa de preços para o botijão de 20 litros da água mineral na Capital, registrando o menor preço, R$ 8,00, nas marcas Platina, Sublime  e Itacoatiara. Já o maior preço foi registrado na marca Indaiá, que oscila entre R$ 9,00 e R$ 13,00. A pesquisa de preços visitou 16 pontos de revenda do produto.

PB Agora

Notícias relacionadas

Covid: PB confirma 16 mortes nas últimas 24h e taxa de ocupação de leitos é de 60%

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, nesta quinta-feira (06), 1.190 casos de Covid-19. Entre os confirmados hoje, 100 (8,4%) são casos de pacientes hospitalizados e 1.090 (91,59%) são…

Prefeito se reúne com representante do Ministério da Economia para debater Cidade Sustentável

O prefeito Cícero Lucena conversou de forma virtual com o subsecretário de Financiamento ao Desenvolvimento e Mercados Internacionais do Ministério da Economia, Carlos Eduardo Lampert. O encontro aconteceu na manhã…