Projeto de Lei que prevê proibição é de autoria do vereador  Humberto Pontes

 

Projeto de Lei, de autoria do vereador Humberto Pontes (Avante, foto)) e recentemente aprovado pela Câmara Municipal, proíbe a gestão pública municipal de João Pessoa de inaugurar obras que não estejam totalmente prontas, a ponto de cumprir a função para a qual tenha sido projetada.

Além de estar devidamente concluída, toda e qualquer obra-em-alvenaria, de acordo com a matéria, deverá conter todos os equipamentos indispensáveis a seu funcionamento, bem como dispor de todo o quadro de funcionários constituído, para que possa atingir o padrão normal de utilização.

No Projeto de Lei, o vereador elenca, como unidades funcionais da Prefeitura de João Pessoa, dentre outras, as redes de escolas, creches, postos de saúde; bibliotecas e estabelecimentos similares, além de unidades de pronto atendimento. Para o vereador, essa iniciativa visa, tão-somente, à valorização do dinheiro público, amealhado da arrecadação tributária, eliminando todas as hipóteses de desperdício.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vai faltar água em bairros de João Pessoa nesta terça, diz Cagepa

Cagepa executa manutenção corretiva e abastecimento de água será suspenso em três bairros da capital A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) vai precisar interromper o abastecimento de…

Combate ao coronavírus: maior gasto até agora foi com Auxílio Emergencial

O governo federal já gastou R$ 113,80 bilhões no combate ao coronavírus, de um total de R$ 319,45 bilhões de gastos autorizados. A maior parte do que já foi pago…