Quase sempre, ouve-se falar de uma suposta indústria de multa em João Pessoa. Nada pode ser mais falso. Com toda certeza, não existe a tal indústria. Pelo contrário, o que falta é a Semob apertar ainda mais o nó contra os motoristas que são useiros e vezeiros no desrespeito flagrante às leis do trânsito.

Indústria de multa pressupõe uma política de forjar supostas infrações, multando quem cometeu e quem não cometeu o delito, para arrecadar recursos.

Não seria preciso tanto para a Semob. Um grande número dos motoristas pessoenses vive a afrontar as normas de trânsito, seja com excesso de velocidade, carros sobre as calçadas, veículos parados em vagas exclusivas de deficientes, avanços de sinal vermelho, uso de celular ao volante, etc. etc. etc.

Suponhamos que os amarelinhos resolvam aplicar multas com força. Não seria preciso forjar as multas, basta observar e anotar as placas dos veículos sobre as calçadas, dos carros que em grande número trafegam pela faixa exclusiva de ônibus, motoristas descuidados que se deleitam em demorados papos ao celular enquanto dirigem.

Além disso, não se pode alegar que em vez de promover campanhas de educação de trânsito, a Semob prefere multar. Não é verdade. Várias campanhas já foram feitas. A mais intensa delas, sobre o direito do transeunte na faixa de pedestre. Mas não tem jeito. Cidadão nenhum arrisca atravessar a faixa com tranquilidade pois sabe que corre o risco de ser atropelado.

Os motoristas indisciplinados, pelos que se vê, quanto mais ricos e quanto maior e mais potente o veículo, é do tamanho da sua ignorância no trânsito.

 

Wellington Farias

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PB faz parceria com ONG internacional para Educação em Direitos Humanos

O Governo do Estado, por meio da Fundação Desenvolvimento da Criança e do Adolescente Alice de Almeida (Fundac) e da Secretaria de Educação do Estado, com o Ministério Público Federal…

Paraíba tem 5ª menor taxa de pessoas mortas por policiais no primeiro semestre de 2019

A Paraíba é o quinto estado com menor taxa de pessoas que foram assassinadas por policiais nos primeiros seis meses de 2019. Os dados são do Monitor da VIolência, com…