Por pbagora.com.br

O mês de março vai para as estatísticas da Covid-19, na Paraíba, como o mais trágico desde o início da pandemia. Ao todo, foram 1.248 mortes, o que representa mais de 20% de todos os óbitos registrados em 12 meses. O reflexo disso foi visto em João Pessoa, onde a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) tem se desdobrado para conseguir enterrar as vítimas do novo Coronavírus. A demanda quadruplicou em relação aos meses de janeiro e fevereiro.

Só para se ter uma ideia, em janeiro, foram sepultadas 80 pessoas nos seis cemitérios Públicos de João Pessoa. Este número cresceu para 83 em fevereiro e para 319 em março. De acordo com o chefe de gabinete da Sedurb, Eduardo Pedrosa, a prefeitura precisou ativar a fase dois do Plano de Contingência do município. Com isso, além das vagas geradas nas covas rotativas, o poder público está usando covas de cemitérios privados.

Confira o texto completo no Blog do Suetoni

Notícias relacionadas

DIA DE TIRADENTES: veja o que abre e o que fecha em João Pessoa em 21 de abril

Nesta quarta-feira (21), no dia de Tiradentes, o funcionamento do comércio, shoppings, repartições públicas e Justiça funcionam normalmente em João Pessoa, já que o feriado foi antecipado conforme Medida Provisória…

Liminar obriga governos a garantirem 2ª dose da CoronaVac a paraibanos

A Justiça Federal na Paraíba (JFPB), por meio da 3ª Vara, localizada em João Pessoa, concedeu liminar ao Ministério Público Federal (MPB) e ao Ministério Público da Paraíba (MPPB) garantindo…