Por pbagora.com.br

Principal símbolo da tradição junina no Nordeste, a fogueira teve que ser apagadas das festividades nesse mês de junho em várias cidades da Paraíba. A recomendação do MPPB, com base na pandemia da síndrome respiratória resultante da contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19), fez com que prefeitos adotassem a medida.

Após cidades como Campina Grande, Pombal, Caaporã, entre outras, a cidade portuária de Cabedelo, na Região Metropolitana de João Pessoa, através de decreto também proibiu o acendimento de fogueiras.

De acordo com a Prefeitura Municipal de Cabedelo, a iniciativa busca resguardar a saúde da população durante a pandemia do coronavírus. A queima de fogos de artifício também está proibida.

“A determinação se baseia nos riscos causados pelo acendimento de fogueiras e pela queima de fogos às pessoas que possuem problemas respiratórios, já que a fumaça lançada no meio ambiente agrava a situação dos enfermos.”

Ainda de acordo com a gestão municipal, as Secretarias Municipais de Meio Ambiente, de Saúde e de Vigilância Sanitária, com apoio da Guarda Municipal e da Polícia Militar farão a fiscalização.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veja agenda dos candidatos a prefeito de Campina Grande neste domingo (18)

Confira a agenda dos seis candidatos a prefeito de Campina Grande neste domingo (18). A lista está em ordem alfabética. Ana Cláudia Vital (Podemos) 9h – Faz visita à Feira…

Edilma Freire dialoga com moradores do Timbó destaca investimentos na comunidade e defende mais ações de infraestrutura nos bairros

Na tarde deste sábado , dia 17, Edilma Freire, candidata do Partido Verde (PV) à Prefeitura de João Pessoa, esteve no Timbó, dialogando com a população sobre os investimentos realizados…