O prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital, desautorizou o pagamento das contas em atraso da prefeitura, recusando-se a pagar também seu débito com a Cagepa na ordem de R$ 12 milhões.

 

A Companhia de Água e Esgosto da Paraíba – Cagepa, em virtude do atraso e da recusa do pagamento da dívida, cortou o fornecimento de água, atitude tomada com qualquer consumidor inadimplente com a companhia.

 

Conforme decisão judicial o exorbitante débito da Prefeitura de Campina Grande com a Cagepa tem que ser pago. O prefeito, através da Procuradoria do Município, ainda não se pronunciou a respeito do assunto.

 

A medida só foi adota após diversas tentativas de renegociação da dívida, que estava em R$ 10 milhões, passando para R$ 12 milhões. Segundo informações, a Prefeitura de Campina Grande se recusou a comparecer as reuniões de negociação do débito.

 

Milena Feitosa
PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Empresa ServCloud se torna diferencial em mercado de inovação em JP

Na era digital e do avanço da tecnologia, uma empresa instalada em João Pessoa, tem demonstrado estar conectada com os novos tempos e se destacado no mercado virtual. Trata-se da…

Nesta 2ª: João autoriza R$ 43 mi em obras de saneamento e lança campanha ‘Praia Limpa’

O governador João Azevêdo autoriza, nesta segunda-feira (23), investimentos de R$ 43,6 milhões em obras de abastecimento de água e esgotamento sanitário na cidade de João Pessoa. A solenidade ocorrerá…