Em busca de votos dos eleitores do Nordeste, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) prometeu concluir as obras da transposição do rio São Francisco em um vídeo gravado neste domingo (14).A transposição do Rio São Francisco é um tema que sempre esteve na agenda dos candidatos a governo e Senado do Nordeste, e, especificamente, da Paraíba. 

Bolsonaro estava ao lado de Capitão Wagner (Pros), deputado federal eleito pelo Ceará, e destacou a importância da obra, iniciada no governo do ex-presidente Lula (PT). “No governo, caso nós cheguemos lá, minha ideia é não fazer nenhuma obra nova. Vamos concluir as antigas. E essa [a transposição] a gente nem discute a sua importância. É vital para vocês do Nordeste que essa obra seja concluída”, afirmou.

O presidenciável passou o dia em sua casa, num condomínio da Barra da Tijuca. Recebeu uma equipe da TV Record para conceder uma entrevista e anunciou um pronunciamento ao vivo no Facebook às 18h30.

Na transmissão, ele se comparou ao juiz Sergio Moro, responsável pela Lava Jato em Curitiba, e disse que ambos perderam a liberdade de andar sem segurança, lembrando do atentado a faca que sofreu.

“Sergio Moro tem menos liberdade que um cara que está com tornozeleira aí”, disse, afirmando que o juiz não pode passear livremente com sua família por ser ameaçado de morte.

O capitão reformado mandou um abraço a Moro e Marcelo Bretas, responsável pela Lava Jato no Rio.

Redação

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem morre após acidente envolvendo duas motos e um caminhão na PB

Em mais um acidente de trânsito, um homem morreu, na manhã desta quinta-feira (22), na BR-230, na cidade do município de Bayeux e entrada para João Pessoa. O acidente envolveu…

ALPB: apesar de problema cardíaco, licença de Ludgério está descartada

Está descartada uma licença de mais de 121 dias para tratamento de saúde, do deputado estadual Manoel Ludgério (PSD), após passar mal, na tarde de ontem, terça-feira (20), por conta…