Por pbagora.com.br

A Paraíba vai ganhar mais um posto de coleta de leite materno. O posto será inaugurado durante as atividades da III Semana Estadual de Doação de Leite Materno, no dia 19 de maio deste ano, no Hospital Geral de Mamanguape, que faz parte da Rede Hospitalar do Estado.

Nesta terça (7) e quarta-feira (8), o Governo do Estado, por meio do Banco de Leite Anita Cabral, realiza uma capacitação em Aleitamento Materno para a equipe de saúde do Hospital Geral de Mamanguape, a partir das 14h, no auditório da unidade de saúde. As capacitações fazem parte do cronograma de implantação do Posto de Coleta de Leite Humano do Hospital Geral de Mamanguape.

O primeiro dia de capacitação será destinado à equipe de saúde do próprio hospital e aos estagiários da Escola Técnica em Enfermagem Rosa Mística. O segundo dia será destinado à Atenção Básica dos municípios da região do Vale do Mamanguape, que fazem parte ainda da 1ª Gerência Regional de Saúde (GRS). Os municípios confirmados são: Mamanguape, Jacaraú, Baia da Traição, Marcação, Rio Tinto e Itapororoca.

“Esse Posto de Coleta abrangerá a assistência em manejo do aleitamento materno e na captação de doadoras de leite humano do Vale do Mamanguape, propiciando assim suprir a necessidade dos recém-nascidos daquele hospital com leite humano do banco de leite, favorecendo que os bebês que nasçam lá utilizem apenas leite humano nos seus primeiros dias de vida, se assim for necessário”, explicou a diretora do Banco de Leite Anita Cabral, Thaíse Ribeiro.

Doação – Para ser doadora basta a mulher estar amamentando, ser saudável e ter produção de leite maior que a necessidade do seu bebê. Para doar é só procurar uma das unidades distribuídas em todo o Estado, através do link: http://static.paraiba.pb.gov.br/2013/09/Rede-Paraibana-de-Bancos-de-Leite.pdf

O Banco de Leite Anita Cabral funciona na Maternidade Frei Damião, em João Pessoa, e se tornou um centro de referência no Nordeste. Fornece suporte técnico para toda rede paraibana de bancos e postos de coleta de leite materno, que beneficia milhares de mães e bebês em toda a Paraíba. Foi inaugurado em 1987 e, desde então, contribui para o fortalecimento e incentivo à prática da amamentação e doação de leite materno.

O leite doado é processado e analisado por um laboratório, certificado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), o qual garante a inativação dos protozoários, vírus, fungos e bactérias patogênicas, oferecendo ainda a informação de todas as características físico-químicas, tais como grau de acidez, quantidade de gordura e maturidade do produto. Isso garante que cada receptor atendido receba o leite específico para seu quadro clínico.

 

Secom

Notícias relacionadas

Covid: Cabedelo vacina pessoas acima de 58 anos com comorbidade nesta segunda

Vacinação também segue em pessoas a partir de 60 anos Cabedelo avança na vacinação contra a Covid-19 e, a partir de segunda-feira (19), inicia a imunização em pessoas acima de…

Inscrições para concurso da PMJP recomeçam nesta segunda

Nesta segunda-feira (19), a Prefeitura de João Pessoa reabre as inscrições do concurso público para área da saúde e administrativa com mais de 600 vagas. As inscrições poderão ser realizadas…