Por pbagora.com.br

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região, em decisão do magistrado Elio Wanderley de Siqueira Filho, determinou a vacinação da segunda dose dos funcionários do Hospital Nossa Senhora das Neves (HNSN) que teriam furado a fila da vacinação por estarem fora dos grupos prioritários.

A vacinação do grupo havia sido suspensa também por decisão judicial. A juíza Federal da 2ª Vara da Paraíba, Wanessa Figueiredo dos Santos Lima, tinha proibido que os fura-filas da vacinação recebessem a segunda dose, sob multa no valor de R$ 20 mil, por cada ato.

Porém o juíz do TRF-5 autorizou o município de João Pessoa (PB) a proceder à complementação da vacinação contra a Covid-19 àqueles que receberam à primeira dose.

Para o magistrado, é preciso afastar a possibilidade de desperdício das doses já aplicadas, pois a vacina tem seu período de aplicação limitado. “O esforço, neste momento, é garantir que a quantidade de vacinas já disponibilizada seja utilizada para imunizar o maior número possível de brasileiros e, por consequência, minimizar a propagação do vírus”, declarou o juiz.

Elio Wanderley acrescentou ainda que embora “tenha havido a irregularidade apontada pelo MP, quanto ao não cumprimento da ordem de prioridade, a suspensão da segunda dose da vacina – necessária para a eficácia da imunização – contraria toda essa lógica, aqui esmiuçada. Não se está punindo apenas o ente público que não cumpriu a ordem de prioridade, mas a população em geral, já que o Estado terá que disponibilizar a essas pessoas específicas novas doses da vacina, ocasionando dispêndio de recursos públicos e prejuízo ao plano de imunização coletiva”, afirmou.

PB Agora

Notícias relacionadas

Setenta e nove cidades da Paraíba estão sob alerta de fortes chuvas, neste sábado

Para este sábado (06), o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta amarelo para perigo de chuvas intensas até às 11h, em 79 municípios da Paraíba. De acordo com o…

Proposta por Wilson Filho, ALPB promove sessão especial do Dia da Mulher

No dia 8 de março é celebrado o Dia Internacional da Mulher e mediante a importância da data, o deputado estadual Wilson Filho (PTB) teve o requerimento de n. 12.466/2021…