O Fórum Paraibano de Combate à Corrupção (Focco) fará sua primeira reunião ordinária para dar início às atividades relativas ao ano de 2009 na próxima segunda-feira, dia 2.

A reunião será na Controladoria Geral da União (CGU), às 14h. Todos os órgãos que participam do movimento já foram convocados por meio de ofício.
Na ocasião, serão apresentadas as ações desenvolvidas pela coordenação do Focco no período de dezembro de 2008 a janeiro deste ano.

Também consta na pauta a aprovação do regimento interno; apresentação, discussão e aprovação do plano de ação de 2009; deliberação sobre as medidas a serem adotadas para cumprimento do plano; e apreciação de inclusão de novos órgãos e entidades no movimento.

A coordenação do Focco esteve reunida na segunda-feira, dia 26, quando definiu a pauta para a primeira reunião ordinária.

A nova coordenação é formada por Rainério Rodrigues Leite, chefe do Tribunal de Contas da União na Paraíba; Jaci Fernandes Sobrinho, chefe da Controladoria Geral da União na Paraíba; Victor Carvalho Veggi, procurador da República; Hamilton de Souza Neves Filho, promotor de Justiça.

Atualmente participam do Focco os seguintes órgãos: Ministério Público Federal (PR-PB), Ministério Público do Trabalho (PRT – 13ª Região), CGU, TCU, PRF, Receita Federal do Brasil, Procuradoria da Fazenda Nacional na Paraíba, Procuradoria da União na Paraíba, Procuradoria Federal na Paraíba, Instituto Nacional de Seguro Social-(INSS), Funasa, Núcleo Estadual do Ministério da Saúde na Paraíba, Superintendência Regional do Trabalho, Agência Brasileira de Inteligência (Abin), MPE, TCE, Secretaria de Estado da Receita, CGE, Junta Comercial do Estado da Paraíba e Secretaria de Transparência do Município de João Pessoa.
 

O Norte

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Barreiras sanitárias: ao menos 50 veículos foram impedidos de circular só no Acesso Oeste

Nesta quinta-feira (04) a fiscalização efetiva dos decretos estadual e municipal, que preveem medidas mais rígidas de isolamento social, através das barreiras sanitárias, impediu ao menos 50 veículos de continuarem…

Em 70 dias de medidas preventiva, 265 empresas são notificadas em JP

Setenta dias depois do início das medidas preventivas de combate ao Coronavírus na Capital, a fiscalização da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) visitou 542 empresas, autuou…