Por pbagora.com.br

O Fórum Paraibano de Combate à Corrupção (Focco) fará sua primeira reunião ordinária para dar início às atividades relativas ao ano de 2009 na próxima segunda-feira, dia 2.

A reunião será na Controladoria Geral da União (CGU), às 14h. Todos os órgãos que participam do movimento já foram convocados por meio de ofício.
Na ocasião, serão apresentadas as ações desenvolvidas pela coordenação do Focco no período de dezembro de 2008 a janeiro deste ano.

Também consta na pauta a aprovação do regimento interno; apresentação, discussão e aprovação do plano de ação de 2009; deliberação sobre as medidas a serem adotadas para cumprimento do plano; e apreciação de inclusão de novos órgãos e entidades no movimento.

A coordenação do Focco esteve reunida na segunda-feira, dia 26, quando definiu a pauta para a primeira reunião ordinária.

A nova coordenação é formada por Rainério Rodrigues Leite, chefe do Tribunal de Contas da União na Paraíba; Jaci Fernandes Sobrinho, chefe da Controladoria Geral da União na Paraíba; Victor Carvalho Veggi, procurador da República; Hamilton de Souza Neves Filho, promotor de Justiça.

Atualmente participam do Focco os seguintes órgãos: Ministério Público Federal (PR-PB), Ministério Público do Trabalho (PRT – 13ª Região), CGU, TCU, PRF, Receita Federal do Brasil, Procuradoria da Fazenda Nacional na Paraíba, Procuradoria da União na Paraíba, Procuradoria Federal na Paraíba, Instituto Nacional de Seguro Social-(INSS), Funasa, Núcleo Estadual do Ministério da Saúde na Paraíba, Superintendência Regional do Trabalho, Agência Brasileira de Inteligência (Abin), MPE, TCE, Secretaria de Estado da Receita, CGE, Junta Comercial do Estado da Paraíba e Secretaria de Transparência do Município de João Pessoa.
 

O Norte

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

TRE-PB acompanha investigação sobre apreensão de R$ 128 mil dentro de veículo

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE), desembargador José Ricardo Porto afirmou, em entrevista nesta sexta-feira (23) que a corte estará atenta aos crimes cometidos durante a campanha.…

Ouvidoria Eleitoral paraibana já recebeu 450 denúncias pelo aplicativo Pardal

Desde o início da Campanha Eleitoral 2020, em 27 de setembro, está disponível a nova versão do aplicativo Pardal. Criado em 2014, pela Justiça Eleitoral, o app foi desenvolvido para…