Por pbagora.com.br

Reunidos na noite de ontem, terça-feira (7), auditoras e auditores fiscais do Estado, decidiram, por unanimidade, paralisar as atividades por tempo indeterminado, um dia por semana, em toda a Paraíba.

Além da paralisação semanal, os auditores decidiram implantar novo modelo de trabalho em regime de operação padrão.

Segundo o presidente do SindifiscoPB, Manoel Isidro, tanto a paralisação semanal, quanto a operação padrão, serão mantidas até que sejam atendidas as demandas da categoria fiscal.

“A assembleia superou todas as nossas expectativas, com 330 colegas participando, foi uma decisão bastante coletiva”, disse. “Vamos implementar um forte movimento, não contra o governo ou o governador, é em prol da categoria, de melhores condições de trabalho, em prol do reajuste da remuneração dos auditores, que estão perdendo o poder de compra”, completou.

 

Nesta quarta-feira o presidente do SindifiscoPB, Manoel Isidro, concederá entrevista à imprensa para tratar da *paralisação por tempo indeterminado* da categoria em todo o Estado da Paraíba.

Além da paralisação, os auditores decidiram implantar novo modelo de trabalho em regime de operação padrão.



PB Agora

Notícias relacionadas

Decisão de juíza do trabalho impede greve de motoristas de ônibus em João Pessoa

Um pedido impetrado pelo consórcio Unitrans contra o Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Passageiros e Cargas do Estado da Paraíba, que diz respeito a uma greve…

PMCG abre inscrições para Casamento Coletivo 2021 “Edição Superação”

A Prefeitura de Campina Grande, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, abre nesta semana as inscrições para o Casamento Coletivo 2021 – Edição Superação. A primeira etapa do processo…