Por pbagora.com.br

A otimização dos trabalhos dos Juizados Especiais (JE) e o aperfeiçoamento do sistema de processo eletrônico (e-jus) vem sendo o objetivo principal da Coordenadoria dos Juizados Especiais, com vista a melhoria na qualidade do atendimento aos jurisdicionados.

No final da manhã desta sexta-feira (31), essa Coordenadoria, que tem a frente o juiz Adhailton Porto, voltou a se reunir com os membros da comissão de articulação para a melhoria do e-jus, com a finalidade de traçar novas metas e, como isso, aperfeiçoar cada vez mais a qualidade dos serviços.

Nessa reunião, além de outros assuntos, foram discutidos e analisados os mais recentes indicadores publicados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), referentes aos juizados especiais da Paraíba, que apontam que a taxa de congestionamento é de apenas 14% do total de processos pendentes de julgamento.

”Na prática, esses dados significam que os juizados especiais estão contribuindo, decisivamente, para a celeridade processual no Estado”, afirmou o coordenador dos Juizados Especiais.

O juiz Adhailton Porto acrescentou, ainda, que a posição do Tribunal de Justiça da Paraíba, com relação ao trâmite dos processos, é de destaque em relação aos juizados dos demais tribunais, seja ele físico ou virtual, sendo que este último, vem contribuindo, de maneira marcante, para a essa nova realidade dos números.

Durante a reunião, os membros da comissão que estavam presentes, Giovanni Magalhães Porto, Juliana Duarte Maroja, Gustavo Procópio Bandeira de Melo e os juízes Nilson Bandeira do Nascimento e Ivanoska Maria Esperia da Silva, analisaram os dados do CNJ, ocasião em que foram apresentadas sugestões para aprimorar cada vez mais o processo eletrônico, visando automatizar as práticas de processamento cartorários no âmbito do Poder Judiciário paraibano.

Esta semana, a comissão deverá encaminhar ao presidente do TJ, desembargador Luiz Sílvio Ramalho Júnior, a indicação de alguns dos membros para participação da Reunião do Comitê Gestor do Projud, que ocorrerá no CNJ, no dia próximo dia 13, em Brasília.

A reunião contou, ainda, com a participação dos coordenadores de Desenvolvimento de Sistemas, Marconi Edson Cavalcanti; e de Suporte e Redes, Fabiano Abrantes Vieira.

 

TJPB

Notícias relacionadas

TCE alerta presidente da CMCG sobre pagamentos previdenciários

O presidente da Câmara Municipal de Campina Grande, vereador José Marinaldo Cardoso (Republicanos), foi alertado pelo Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB). De acordo com o alerta emitido…

Covid: Cabedelo vacina pessoas acima de 58 anos com comorbidade nesta segunda

Vacinação também segue em pessoas a partir de 60 anos Cabedelo avança na vacinação contra a Covid-19 e, a partir de segunda-feira (19), inicia a imunização em pessoas acima de…