A Paraíba o tempo todo  |

Cehap recebe 7 mil inscrições em um só dia

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Mais de sete mil pessoas se inscreveram nesta segunda-feira, dia 25, no programa “Minha Casa, Minha Vida”. Foi o primeiro dia de inscrições no plano habitacional para famílias com renda mensal de até 10 salários mínimos.

O balanço de inscrições foi divulgado pela Companhia Estadual de Habitação Popular (Cehap). Os interessados devem se inscrever pela internet (www.cehap.pb.gov.br).

A companhia disponibilizou estações de acesso à internet na sede do órgão em João Pessoa e no auditório da secrtaria de Interiorização, em Campina Grande.

A inscrição pela internet é feita clicando inicialmente no banner do programa “Minha Casa, Minha Vida”. Em seguida, a pessoa precisa preencher um formulário com dados pessoais, tais como CPF, RG, renda familiar, endereço e o Número de Identificação Social. Ao finalizar, o internauta deve clicar no botão gerar comprovante de inscrição.

O presidente da Cehap, Carlos Mangueira, pediu calma a população argumentando que “não é preciso correria, pois as inscrições serão permanentes, com isso atenderá toda demanda”. Ele frisou que “não será a ordem de inscrição que indicará a prioridade para a família ser beneficiada com o programa. A prioridade será definida por um sistema de critérios que envolvem questões como renda, número de deficientes, de idosos, entre outros”.
O aposentado por deficiência física Francisco do Nascimento, de 53 anos, tenta sair do aluguel. Atualmente, ele paga R$ 150,00 mensais para morar em uma casa de dois cômodos com a esposa e um neto pequeno. “Eu moro de aluguel por mais de 15 anos, minha renda familiar é de quase dois salários mínimos porque minha esposa é doméstica. Quero pagar por uma coisa que vai ser minha.”
A pensionista Rosilda Sebastião da Silva, de 42 anos, quer sair da casa dos pais, onde vive desde que casou há 20 anos. “Hoje sou viúva e moro num quartinho no fundo da casa de meus pais com duas filhas”, explica. Ela espera ter renda suficiente para pagar uma prestação mensal de R$ 100,00.
 

 

O Norte

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe