Foi encontrado no começo da manhã desta sexta-feira (6) o corpo de Wescley, zagueiro do Esporte de Patos que estava desaparecido desde a última quarta-feira no sítio Mocambo de Cima, do município de São José das Espinharas.

O cabo do CBM, Damião Bernardo Marinho, contou que o pai do jogador, identirficado por Anchieta, reconheceu que a camisa encontrada às margens do açude estava sendo usada pelo seu filho na quarta-feira quando ele saiu de casa em seu automóvel. O militar relatou, com base no relato de familiares, que Wescley estava bebendo na cidade de Patos, anteontem, quando resolveu ir para a chácara dos familiares, sozinho. Disse que o carro do atleta faltou gasolina a uns três quilômetros do imóvel. “Ele fechou o carro e seguiu a pé para a chácara”, disse o cabo, ao reproduzir as informações de Anchieta.

O cabo Damião Bernardo disse ainda, com base em declarações do presidente do Esporte de Patos, que na segunda-feira passada foi dia de pagamento do elenco do time, mas Wescley Campos, de 29 anos, não compareceu à sede do clube, pela manhã, nem na reapresentação à tarde. Capitão da equipe, o jogador já atuou por clubes como Treze, Nacional de Patos, Fluminense (RJ) e Santa Cruz (PE).

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Concurso para Procuradoria do Estado terá 12 vagas e edital deve sair em novembro

O concurso público da Procuradoria-Geral do Estado da Paraíba terá 12 vagas para o cargo de procurador. A informação foi revelada pelo procurador-geral do Estado, Fábio Andrade Medeiros. Fábio Andrade…

UEPB está entre as instituições que pode reduzir participação no Sisu

Diversas universidades estaduais estão cogitando retirar vagas do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), plataforma usada pelo Ministério da Educação (MEC) para ofertar vagas em Instituições Públicas de Ensino Superior usando as notas…