O Vaticano está tomando precauções para impedir a propagação do novo coronavírus (Sars-CoV-2). O Angelus e a audiência geral do Papa Francisco, que reúnem milhares de pessoas, serão realizados na biblioteca do Palácio Apostólico e transmitidos ao vivo em telões na Praça São Pedro.

“A oração do Angelus neste domingo, 8 de março, será realizada na biblioteca do Palácio Apostólico e não na praça, pela janela. A oração será transmitida ao vivo pelo Vatican News nos telões da Praça São Pedro. Essas opções são necessárias para evitar os riscos de disseminação da Covid-19 devido às aglomerações”, explicou a Santa Sé.

A medida é uma tentativa do Vaticano para diminuir a quantidade de fiéis na Praça São Pedro.

Apesar da Itália já contabilizar pouco mais de 4,6 mil casos de coronavírus, o Vaticano confirmou nesta sexta-feira (6) o primeiro contágio da doença no país. De acordo com o porta-voz da Santa Sé, Matteo Bruni, o Sars-CoV-2 foi detectado em um paciente na última quinta (5).

A pessoa infectada teria participado de um congresso entre os dias 26 e 27 de fevereiro no Vaticano. Em decorrência da epidemia, a Casa Santa Marta e o ex-mosteiro Mater Ecclesiae, onde residem, respectivamente, o papa Francisco e Bento XVI, ganharam atenção especial. O atual líder da Igreja Católica está resfriado desde a semana passada e cancelou boa parte de seus compromissos nos últimos dias.

Terra

Deixe seu Comentário