Por pbagora.com.br

O destino do São Paulo na Copa Libertadores da América só será decidido na quinta-feira (5), mas o clube não pode ignorar o Campeonato Brasileiro neste fim de semana. Em crise e na expectativa para o "jogo do ano" contra o Internacional, o Tricolor precisa esquecer um pouco o torneio continental e lutar para não correr o risco de ocupar a zona de rebaixamento do Nacional. O tenso duelo contra a degola será diante do Ceará, neste sábado (31), às 18h30 (de Brasília), no Morumbi.

O jogo será especialmente importante para o técnico Ricardo Gomes. Com um empate e quatro derrotas nas últimas cinco partidas, ele está sob intensa pressão.

A importância do jogo é reconhecida até pelo recém-contratado atacante Ricardo Oliveira, que ainda não atuou pelo Tricolor neste Brasileirão, mas está pronto para jogar pelo menos em meio-tempo diante dos cearenses.

– Nós conversamos no dia a dia sobre nossa situação no Brasileiro, não menosprezamos a competição. Este é um dos campeonatos mais fortes do mundo e damos a importância devida à competição.

Ricardo Gomes não faz mistério e promete usar o que tem de melhor à disposição para o jogo. O único atleta que pode ser poupado é o volante Rodrigo Souto, que está desgastado. Com isso, o garoto Casemiro deve assumir o posto. O desfalque certo é o volante Richarlyson, que sofreu um estiramento muscular e será substituído por Cleber Santana. Ricardo Oliveira, por sua vez, não sabe se começará o duelo ou se entrará no intervalo.

O São Paulo ocupa a modesta 15ª posição no campeonato, com 12 pontos, mesmo número do Goiás (16º) e do Botafogo (17º- abrindo a área da degola). Ou seja, em caso de derrota, o hexacampeão nacional deve entrar na zona de perigo. O técnico, contudo, tenta mostrar tranquilidade.

– Agora, estamos com o chip do Brasileiro. Pensamos na recuperação deste campeonato. A vitória pode nos dar confiança e, automaticamente, a técnica também melhora.

O azar do time de Ricardo Gomes é enfrentar um adversário indigesto para os grandes paulistas. O time cearense empatou os jogos que teve contra os outros principais oponentes do estado: 1 a 1 com o Santos (na Vila Belmiro), e 0 a 0 diante de Corinthians e Palmeiras (ambos no Castelão).

Terceiro colocado do Brasileirão, com 20 pontos, o Vovô luta não só para complicar a situação da equipe paulista, mas também para conquistar sua primeira vitória sob o comando de Estevam Soares e se aproximar da liderança do Corinthians.

O desfalque da equipe é o volante Michel, que terá de cumprir suspensão automática em função do terceiro cartão amarelo. Desta forma, Heleno deverá ganhar uma oportunidade, já que está recuperado de contusão. Assim como o volante, Geraldo e Washington também estão de volta.

O técnico da equipe cearense recebeu ainda outra boa notícia para o compromisso. O zagueiro Fabrício, poupado dos treinos da semana, foi liberado pelo departamento médico.

– O grupo está focado pelo resultado positivo. Sabemos da dificuldade de enfrentar uma equipe como o São Paulo, mas vamos buscar a vitória.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X CEARÁ

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 31 de julho de 2010, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa-PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Bruno Boschilia (ambos do PR)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Jean, Alex Silva, Miranda e Junior Cesar; Casemiro, Cleber Santana, Hernanes e Marlos (Ricardo Oliveira); Fernandão e Dagoberto
Técnico: Ricardo Gomes

CEARÁ: Diego; Oziel, Anderson, Fabrício e Ernandes; Heleno, Careca, João Marcos e Geraldo (Erick Flores); Washington e Misael (Tony)
Técnico: Estevam Soares

G1

Notícias relacionadas

Campinense anuncia a demissão de Ederson Araújo

A derrota para o São Paulo Crystal por 2 a 1 no último domingo foi um golpe duro demais para o técnico do Campinense, Ederson Araújo, suportar. Na tarde desta…