A Paraíba o tempo todo  |

Precisando reverter ‘prejuízo’ de dois gols, Botafogo-PB enfrenta o Nacional nesta terça

Na noite desta terça-feira (26), Botafogo-PB e Nacional de Patos se enfrentam pelo jogo de volta das semifinais do Campeonato Paraibano de 2022. A partida está marcada para as 20h15, no estádio Almeidão, em João Pessoa e, além da vaga na decisão, também tem muitas outras coisas em jogo.

A primeira delas é a vaga na Copa do Brasil do ano que vem para o finalista, que já vai começar a próxima temporada com uma generosa quota de participação em seus cofres. Para o Naça, caso avance, o time ainda vai poder disputar ao menos as Eliminatórias da Copa do Nordeste no segundo semestre, valendo um lugar na fase de grupos em 2023. No caso do Belo, este lugar já está assegurado por ser o melhor time do estado no ranking da CBF, mas a equipe pessoense pode conquistar o espaço na fase principal do torneio regional de forma direta no caso de título, e mesma situação vale para o Canário.

Mas para seguir vivo em busca do troféu e já vislumbrar um ano que vem proveitoso, a equipe da Maravilha do Contorno tem uma missão espinhosa. Isto porque, depois de perder por 3 a 1 no José Cavalcanti, precisa vencer por pelo menos três gols de diferença para se classificar dentro do tempo normal. O Verdão pode perder por um gol de diferença na capital que ainda assim será finalista. Caso haja triunfo botafoguense por dois gols de vantagem, a decisão será nos pênaltis.

Antes mesmo do jogo, indignado pelo gol de mão validado a favor do adversário, o segundo do jogo da semana passada, o Botafogo-PB solicitou arbitragem FIFA para o duelo de logo mais e foi atendido. Dentro de campo, Gerson Gusmão poupou o time na vitória por 1 a 0 sobre o Confiança, pela Série C, no último fim de semana, e aguarda os retornos do goleiro Luís Carlos, do lateral-esquerdo Bruno Ré e do volante Ratinho, que estão no Departamento Médico, e podem ser opções para o confronto decisivo.

Do lado nacionalino, apesar da grande vantagem construída jogando  no sertão, o técnico Lamar promete manter as características ofensivas de seu time para não passar sufoco no Almeidão. Ainda assim, por garantia, no último treino antes do jogo, realizado no estádio Wilsão, em Mangabeira, maior bairro de João Pessoa, a equipe fez várias cobranças de penalidades. E esta foi a principal preocupação, uma vez que não há desfalques por lesão ou suspensão.

Arbitragem

Sávio Pereira Sampaio (FIFA/DF) apita o jogo, auxiliado por Fabrício Vilarinho (FIFA/GO) e Bruno Boschilia (FIFA/PR). O quarto árbitro é o paraibano José Ferreira Neto.

Escalações

Botafogo-PB: Lucas (Luís Carlos), Elias, Jonathan Costa, Paulo Vitor, Alessandro (Bruno Ré); Pablo, Tinga, Esquerdinha; Alan Grafite, Leilson e Gustavo Coutinho. Técnico: Gerson Gusmão.

Nacional de Patos: Luiz Miller, Clayton, Arlan, Márcio, Arthurzinho; Daniel, Dindê, Romarinho, Felipe Araújo; Leandrinho e Pedrão. Técnico: Lamar.

 

Informações do Voz da Torcida

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe