A Paraíba o tempo todo  |

Kia diz que Manchester é prioridade para Carlitos Tevez e frustra planos do Corinthians

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O ex-representante da MSI (Media Sports Investment) Kia Joorabchian colocou panos quentes em sua declaração de que o atacante Carlitos Tevez está no mercado por ter situação indefinida no Manchester United, o que fez o Corinthians qualificar o retorno do argentino ao Parque São Jorge como um "sonho possível".

O iraniano disse em entrevista ao "Skysports.com" que Tevez pretende continuar no time inglês mesmo sendo reserva e que as negociações para sua permanência em Old Traffod devem começar em breve.

"Tevez quer muito continuar sendo jogador do Manchester United. A sua posição é essa. Nós pretendemos conversar com o clube nos próximos meses e esperamos que Carlitos continue lá", afirmou Kia, a quem o atacante tem seus direitos ligados.

Tevez tem contrato com o atual campeão europeu e mundial até o fim da atual temporada. Segundo o "Skysports.com", o clube terá que pagar cerca de 30 milhões de libras (cerca de R$ 99,8 milhões) para adquirir os seus direitos federativos.

Na sexta, o diretor de futebol do Corinthians, Mário Gobbi, disse que o time paulistano poderia entrar na disputa para trazer de volta o seu antigo ídolo e que contava com a vontade do jogador para contratá-lo.

"A gente procura ser muito transparente, cristalino no que falamos. O Ronaldo era, a meu ver, um sonho impossível, tanto que chegou a ser motivo de chacota. O Carlitos é um sonho possível, bem diferente do que Ronaldo, porque ele já jogou aqui e quer voltar", declarou à rádio Jovem Pan.

O diretor de futebol, no entanto, no entanto, admitiu que o envolvimento de Joorabchian seria um empecilho para o negócio. "Tem alguns problemas, como o dono dos direitos federativos dele ser o Kia, que tem relação conturbada com o clube por causa da parceria. Vamos ver nos próximos dias se existe algum caminho", disse.

 

Folha

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe