Pela estreia da Série C do Campeonato Brasileiro de 2019, Botafogo-PB e Ferroviário-CE se enfrentaram pela primeira rodada do Grupo A no estádio Almeidão, em João Pessoa. Em uma partida bastante equilibrada, as bolas paradas definiram o empate por 1 a 1, com gols dos camisas 9 de cada time, Nando e Edson Cariús.

Sem Marcos Aurélio, que desfalcou a equipe por estar com uma lesão na coxa, Fábio Alves assumiu as bolas paradas e assustou na primeira oportunidade. Aos 11 minutos, o camisa 6 cobrou falta da meia esquerda com força, o goleiro Nícolas rebateu para frente, mas antes da chegada de Nando conseguiu agarrar a bola que havia soltado.

Em mais uma falta, agora na entrada da área, aos 17, Fábio Alves rolou, Clayton encostou, e o lateral esquerdo bateu com categoria, no canto esquerdo de Nícolas, e a bola passou com muito perigo, deixando o torcedor botafoguense cheio de esperanças.

Agora cruzando na área, Fábio Alves foi decisivo para o Belo abrir o placar. Aos 30 minutos, o lateral esquerdo cobrou falta da direita e mandou na cabeça de Nando, que só resvalou e mandou a bola para o fundo do gol da equipe cearense.

Se as bolas paradas são um dos pontos fortes do Botafogo-PB, o feitiço virou contra o feiticeiro aos 41 minutos. Zeca cobrou falta da direita e Edson Cariús subiu livre, antes de Saulo, para desviar de cabeça e deixar tudo igual.

Segundo tempo

Logo no primeiro minuto, Fábio Alves arriscou de fora da área, dessa vez com a bola rolando, e quase faz um golaço, mas Nícolas desviou e mandou para escanteio.

A resposta cearense veio aos 6 minutos, quando Lucas Mendes avançou em velocidade pela esquerda, invadiu a área e bateu cruzado, com força, obrigando Saulo a fazer grande defesa para evitar a virada do Ferrão.

E por muito pouco o segundo gol do Ferroviário não veio. Aos 15, Cariús roubou a bola de Israel na grande área e ficou cara a cara com o camisa 1 do Belo, mas tirou demais e mandou a direita da meta.

Aos 30, blitz botafoguense na pequena área. Clayton fez grande jogada pela direita, invadiu a área e cruzou. Nando tentou de letra e não acertou, mas Juninho dominou e bateu de canhota, a bola foi na trave. Na sobra, Hiago limpou a defesa e chutou de direita, mas a defesa cortou. Os jogadores do Belo pediram pênalti, mas o árbitro Hélder Brasileiro de Aquino nada marcou.

Já nos acréscimos, aos uma chance para cada. Zeca avançou em velocidade no contra-ataque, invadiu a área livre e só rolou para Jeferson Caxito, que chutou de direita, mas Fábio Alves, com o rosto, evitou o gol. Na sequência, Clayton respondeu pela direita, cruzou na pequena área e Hiago por pouco não chegou para completar e mandar para as redes e garantir a vitória botafoguense.

O empate por 1 a 1 com o Ferroviário-CE é o terceiro jogo que o Botafogo-PB não vence no Almeidão. Antes, empatou com o Santa Cruz, pela Copa do Nordeste, e perdeu para o Londrina-PR, pela Copa do Brasil. Na próxima rodada o Belo visita o Sampaio Corrêa-MA, em São Luiz, no sábado (04), às 17h. Já o Ferroviário-CE pega o Santa Cruz, em Fortaleza.

Ficha técnica

Botafogo-PB 1 x 1 Ferroviário-CE

Campeonato Brasileiro da Série C 2019 (Grupo A – 1ª rodada)
Estádio: Almeidão (João Pessoa)

Arbitragem: Hélder Brasileiro de Aquino (AL); Esdras Mariano (AL) e Brigida Cirilo Ferreira (AL)

Cartões amarelos: Fábio Alves, Dico, Rogério, Clayton (B); Lucas Mendes, Leanderson, Edson Cariús (F)
Gols: Nando (B); Edson Cariús (F)

Botafogo-PB: Saulo, Israel, Lula, Donato, Fábio Alves; Rogério, Marcos Vinicius (Hiago), Juninho (Erivélton), Clayton; Dico (Felipe Alves) e Nando. Técnico: Evaristo Piza.

Ferroviário-CE: Nícolas, Lucas Mendes, Da Silva, Afonso, Zeca; Mazinho, Gleidson, Leanderson (Jean Henrique), Janeudo (Michael); James Dean (Jeferson Caxito) e Edson Cariús. Técnico: Marcelo Vilar.

Equipe @Vozdatorcida

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário