A Paraíba o tempo todo  |

Reajuste de mensalidade escolar em Campina pode ser de até 15%

A mensalidade escolar estará mais cara em Campina Grande em 2016. O reajuste pode chegar até 15%. Ontem foi definido,  o limite para reajuste das mensalidades escolares nas instituições de ensino particulares de Campina Grande. As escolas poderão reajustar seus valores de matrícula e mensalidades em até 15%, podendo ser punidas aquelas que descumprirem esse acordo. O percentual foi definido levando em conta o comportamento da inflação e a elevação dos insumos.

 

O Procon municipal solicitou do Sindicato das Escolas Particulares de Campina Grande a relação com todas as escolas filiadas para fazer o acompanhamento do cumprimento do que teto que foi acordado na reunião. Quem ultrapassar esse limite poderá ser penalizado com suspensão temporária, interdição e aplicação de multas que poderão chegar a R$ 50 mil. “Estaremos vigilantes quanto a possíveis abusos, que serão punidos na forma da lei”, disse Paulo Porto, coordenador do órgão fiscalizador.

Em 2015, o limite máximo de reajuste permitido foi de 13%. De acordo com o sindicato, Campina Grande tem 42 escolas privadas que oferecem ensino a mais de 30 mil estudantes, que representam 36% do alunado da cidade.

 

Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe