Black Friday

Em meio a tantas ofertas tentadoras anunciadas durante a Black Friday, é preciso ter cautela para não cair em golpes na Internet. Como a data movimenta intensamente o e-commerce brasileiro, criminosos tendem a aproveitar o fluxo de usuários na web para atrair vítimas a sites falsos, vender produtos inexistentes e roubar dados de cartão de crédito. Para evitar que os compradores sejam lesados na tradicional sexta-feira de promoções, o Procon-SP mantém uma lista de lojas virtuais suspeitas. Veja como acessar a lista mais abaixo.

A relação conta — até a publicação desta matéria — com 307 sites fraudulentos, que tiveram reclamações de consumidores registradas no órgão, foram notificadas e não responderam ou não foram encontradas. O Procon-SP divulgou a lista de endereços pela primeira vez em julho de 2011 e a mantém atualizada desde então — o último update foi feito em 14 de outubro.

Além da URL da página, a lista também mostra informações como a empresa ou pessoa responsável pela loja virtual, o respectivo CNPJ (ou CPF, no caso de o e-commerce ser administrado por uma pessoa física) e a situação, que pode estar classificada como “No ar” ou “Fora do ar”. Vale citar que esse status se refere à data de inserção do site na lista, também mencionada na tabela.

Marcas nacionais consagradas não estão presentes na listagem, mas alguns nomes chamam a atenção pela semelhança com determinadas lojas famosas, como é o caso das páginas “gabimagazine.com.br” e “magazinefernando.com”, que supostamente se referem à Magazine Luiza. Já endereços como “localdoeletro.com.br”, “cardozoeletro.com.br” e “showdoeletro.com.br” podem confundir clientes do e-commerce Ricardo Eletro.

A lista completa pode ser acessada na página do Procon SP (sistemas.procon.sp.gov.br/evitesite).

G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sorteio da Mega-Sena pode pagar até R$ 200 milhões na quinta-feira

Acumulada há 16 sorteios seguidos, na próxima quinta-feira (27) a Mega-Sena vai dar mais uma chance para um ou mais apostadores, acertarem as seis dezenas da sorte. Sem considerar a…

Regina Duarte usa rede social para apoiar ato a favor de Bolsonaro e contra Congresso

Regina foi escolhida este ano por Bolsonaro para comandar a pasta da Cultura, hoje vinculada ao Ministério do Turismo. Ainda não há data prevista para que ela assuma o cargo…