Um homem foi preso em Alagoinha (PE), na quinta-feira (26), suspeito de abusar da enteada de 9 anos. A garota está grávida de gêmeos.

 

Segundo a polícia, a criança sofria abusos desde o seis anos. O homem também mantinha relações com a enteada mais velha, uma adolescente de 14 anos.

 

A gravidez foi descoberta depois que a criança se queixou de dores e foi levada pela mãe à Casa de Saúde São José, em Pesqueira (PE). No hospital, os médicos descobriram que a garota estava na 16ª semana de gestação.

 

De acordo com a polícia, a mãe não sabia dos abusos sofridos pela filha, que só teria contado sobre o caso depois da descoberta da gravidez. Os médicos classificam a gestação da menina como de alto risco, pela idade e por ser de gêmeos.

 

Segundo a polícia, o homem foi detido quando se preparava para fugir para a Bahia. Ele estava escondido em um matagal, em Alagoinha.

 

O Ministério Público está tomando as providências sobre o caso. Segundo a promotora de Justiça Jeanne Bezerra, a criança será acompanhada por médicos, por causa da gravidez de risco, e psicólogos.

 

“Vamos dar um encaminhamento judicial e ajudar a polícia nas investigações”, afirmou a promotora.

 

G1

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Projeto quer vetar BNDES de financiar projetos a governos estrangeiros

Um projeto de lei do Senado quer restringir recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para financiamento de projetos a governos estrangeiros. De acordo com o autor…

Justiça reconhece vínculo de motoboys com empresa por app

A Justiça do Trabalho de São Paulo determinou que a empresa de entregas Loggi reconheça o vínculo trabalhista dos motoboys que prestam serviço para a companhia. A decisão da 8ª…