Por pbagora.com.br
Foto: Marcello Casal Jr; Agência Brasil

 O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, determinou o fechamento da Esplanada dos Ministérios neste domingo (14). O decreto com a decisão foi publicado em edição extra do Diário Oficial do Distrito Federal na noite de ontem (13).

De acordo com o documento, está proibido o trânsito de veículos e pedestres entre 00h e 23h59. O acesso aos prédios públicos federais localizados na Esplanada somente será permitido a autoridades e servidores públicos federais devidamente identificados e que estejam em serviço.

A decisão leva em consideração as aglomerações verificadas na Esplanada nos últimos dias, que contrariam as normas sanitárias de combate ao novo coronavírus. Além disso, o decreto diz que parte das manifestações realizadas nessas aglomerações tem declarado conteúdos anticonstitucionais e há ainda “ameaças declaradas, por alguns dos manifestantes, aos Poderes constituídos.”

De acordo com o governo do DF, qualquer manifestação na Esplanada dos Ministérios poderá ser admitida, desde que comunicada com antecedência e devidamente autorizada pelo secretário de Segurança do Distrito Federal, cargo hoje ocupado pelo delegado da Polícia Federal, Anderson Gustavo Torres.

A organização e fiscalização do trânsito será feita pelo Departamento de Trânsito (Detran) e pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) do DF. A fiscalização no local caberá aos órgãos de segurança pública.

 

Agência Brasil 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Enem 2020: impedido de fazer prova no primeiro dia precisa comparecer no segundo ou será eliminado

Segundo Inep, o candidato deve pedir a reaplicação da prova que perdeu Os candidatos que não conseguiram realizar a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 porque…

STJ autoriza retorno do conselheiro Nominando Diniz ao TCE-PB

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB), Nominando Diniz Filho deverá voltar ao posto que ocupava no órgão na próxima segunda-feira (25). A decisão é do Superior Tribunal…