FOTO: MARCOS CORRÊA/PR

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) fez uma recomendação inusitada para reduzir a poluição ambiental no país. Em entrevista à imprensa, nesta sexta-feira 9, Bolsonaro sugeriu que as pessoas devem diminuir o consumo de comida e evacuar com menor regularidade.

A declaração ocorreu em resposta ao repórter Fábio Murakawa, do jornal Valor Econômico. O jornalista havia perguntado: “Presidente, é possível crescer com preservação?”.

Bolsonaro respondeu: “Lógico que sim”. O repórter, então, questionou: “Como? Se tem que alimentar e…”. Sem permitir que o jornalista completasse a pergunta, o presidente da República continuou.

“É só você deixar de comer menos um pouquinho. Você fala pra mim, por exemplo, em poluição ambiental, é só você fazer cocô dia sim, dia não, que melhora bastante a nossa vida também”, recomendou.

Perguntei ao presidente @jairbolsonaro se é possível crescer com preservação; ele me recomendou comer menos um pouquinho e fazer cocô dia sim, dia não para combater a poluição ambiental

Na sequência, Bolsonaro defendeu a criação de políticas de “planejamento familiar” como solução para controlar o crescimento populacional.

“O mundo, quando eu falei que cresce quase 70 milhões por ano, precisa de uma política de planejamento familiar. Não é controle não, se não vai estar na capa da Folha amanhã que eu tô dizendo que tem que ter controle de natalidade. Planejamento familiar. Você olha as pessoas que têm mais cultura têm menos filhos. Eu sou uma exceção à regra, tenho cinco. Mas, como regra, é isso.”, disse.

Carta Capital 

 

Total
8
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 36 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do Concurso 2.216 da Mega-Sena sorteadas ontem (14), no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo. O prêmio para o próximo sorteio, que ocorrerá na terça-feira…

Mais de 10 milhões poderão sacar até R$ 998 do FGTS; veja como fica

Pagamento só será feito a quem tinha até esse valor em cada conta ativa ou inativa do fundo em 24 de julho. Quem já sacou R$ 500 terá direito à…