A Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, recebeu o certificado de Gestão, Qualidade e Desempenho expedido pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB), em parceria com a rede software Epimed Solutions. O hospital é o primeiro da rede pública, na Paraíba, a receber a certificação, que garante a qualidade do serviço prestado na UTI.

A certificação atesta que a UTI possui os mais altos padrões de atendimento e qualidade, seguindo rigorosamente as normas estabelecidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Segundo dados estatísticos, o perfil dos pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva é composto por adultos na faixa produtiva da vida entre 35 a 45 anos – sendo que, destes, 70% são vítimas de acidentes de trânsito, principalmente moto.

Um dado relevante a ser destacado foi a redução do tempo médio de permanência na UTI que, em 2018, chegou a alcançar 25 dias, e em 2019 já chegou a ficar abaixo da meta estabelecida pela Secretaria de Saúde de 15 dias, alcançando 14 dias em fevereiro de 2019 e em março desse mesmo ano 17 dias de tempo médio de permanência.

No processo de avaliação, foram verificados indicadores de performance, dentre os quais podemos destacar o tempo médio de permanência dos pacientes, taxa de mortalidade, índice de rotatividade do leito, densidade de infecção, entre outros. O certificado tem validade de um ano e, para sua manutenção, a instituição precisa se submeter novamente aos critérios de avaliação da certificadora.

De acordo com o diretor geral da unidade de saúde, Leonardo Leite, esse reconhecimento demonstra que estamos no caminho certo da gestão. “Essa certificação é importante porque, além de nos colocar na vanguarda entre as instituições públicas, também destaca nossa UTI a nível nacional junto às UTIs de alta performance, reconhecidas pela AMIB. Portanto, este é o resultado de um trabalho árduo e diário para manter a qualidade dos nossos serviços prestados à sociedade, cumprindo nossa missão de salvar vidas”, salientou.

A coordenadora da UTI, Uilanete Dantas de Carvalho, ficou muito feliz com a confirmação desta certificação. “A conquista é um reconhecimento de que o Hospital está contribuindo para a melhoria da qualidade da medicina intensiva e segurança dos pacientes na Paraíba. Cumprimos, rigorosamente, o que foi proposto pela AMIB, Anvisa e Sistema Epimed Monitor. Gratidão pelo reconhecimento do trabalho e engajamento, os parabéns devem ser direcionados à toda equipe” comemorou.

AMIB – Com sede em São Paulo, a AMIB tem atuação direcionada ao fortalecimento da Medicina Intensiva. A entidade é associada à Federação Pan-americana e Ibérica de Sociedades de Medicina Crítica e Terapia Intensiva (FEPIMCTI) e à Federação Mundial de Sociedades de Medicina Intensiva (WFSICCM).

Epimed Solutions – A empresa é líder no mercado de gestão de informações clínicas e tem como objetivo melhorar a qualidade e a eficiência do atendimento hospitalar. Os sistemas Epimed estão presentes em mais de 400 hospitais em todo o Brasil, com 800 UTIs e 11 mil leitos monitorados, totalizando mais de um milhão de pacientes em sua base. É a maior base de dados clínicos e epidemiológicos da América Latina

Redação com Secom/PB

 

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Temos que diminuir o nº de mortes no trânsito”, diz superintendente do Detran

Nos últimos sete anos, cerca de 10 mil pessoas perderam a vida em acidentes de trânsito na Paraíba, especialmente em acidentes envolvendo motocicletas esses números preocupam o Governo do Estado…