Por pbagora.com.br

 Servidores da saúde de CG promovem nessa terça ato contra o prefeito para reivindicar seus direitos

Os agentes de saúde ACE e ACS se reuniram em assembleia, na manhã da última sexta-feira, dia 23, na ACCG, para discutir como ponto de pauta o veto 40, o incentivo adicional, além da DataBase para pagamento da categoria. Ficou estabelecido que na próxima terça-feira, dia 27, os ACS irão se mobilizar em prol do adicional em frente à Secretária de Saúde.

Os agentes de saúde receberam a notícia de que o Sintab pode se tornar membro do CONACS, confederação que atua diretamente com os Agentes de Saúde e peça fundamental na articulação para a derrubada do Veto 40, impedindo a extinção da categoria. “Foi uma grande vitória, com todas as garantias para os ACS e ACE firmadas”, disse o vice-presidente Giovanni Freire.

Sobre o incentivo adicional, Freire alertou a todos para não imaginar que ele funciona como um décimo quarto para a categoria, devido o valor se abaixo do piso. Foi sinalizado no dia de ontem o repasse do governo federal, e para tanto os ACS devem pressionar a prefeitura pelo repasse. Estigmatizados durante todo o ano por atrasos salariais pela gestão do prefeito Romero Rodrigues, esse é mais um temor que enfrenta a categoria. E em relação ao DataBase ficou estabelecido que as negociações ocorrerão no mês de janeiro.

 

Redação com Sintab

Notícias relacionadas

CG vacina hoje pessoas com comorbidades a partir de 55 anos

A Secretaria de Saúde de Campina Grande avança na campanha de vacinação da covid e realiza, neste sábado, 8, a aplicação da primeira dose nas pessoas com comorbidades a partir…