Por Humberto Júnior

Na atual pandemia de Covid-19, com o novo coronavírus circulando entre a população mundial, apenas com mutações que são consideradas ligeiramente moderadas, as chances de reinfecção por diferentes tipos do vírus que causam a Covid-19, são possíveis, mas escassas, pelo menos até o momento, pelas comprovações e evidências científicas.

Entretanto, devemos ter cuidado ao confiarmos em campanhas que abordam e/ou projetam uma imunidade em longo prazo, seja através da vacinação ou infecção natural pelo vírus, para alcançar o que se conhece como “imunidade de rebanho”.

Além disso, já existem alguns estudos mostrando que os níveis de anticorpos produzidos pelo sistema imunológico de pacientes que foram contaminados pelo cororavírus-19 diminuem, 2 meses após a primeira infecção, principalmente em pacientes que apresentaram formas leves da doença.

O estudo aqui em abordagem, mostra que as reinfecções podem ocorrer naturalmente, para todos os 4 tipos de coronavírus humanos, incluindo o que causa a Covid-19.

Os autores deste trabalho científico publicado na revista Nature, observaram que, a maior parte das reinfecções por outros tipos de coronavírus, que também podem causar pneumonias letais em humanos, ocorreram com mais frequência 12 meses após a primeira infecção, indicando que a imunidade protetora tem vida curta, de aproximadamente 2 meses a 1 ano, a depender do paciente, condição do sistema imunológico do indivíduo, além do grau de severidade desenvolvido após a primeira infecção.

Partindo desses achados, podemos sugerir ou entender, através de um ponto de vista, que formas mais graves da Covid-19 podem estar relacionadas ao desenvolvimento de imunidade mais duradoura, o contrário para pacientes que desenvolvem formas leves da doença.

Tradução, interpretação e adaptação do texto: Prof. Doutor Allan Kardec Alencar, Cientista especializado nas áreas de Farmacologia, Biologia Molecular e Fisiologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil e Wake Forest University, Baptist Hospital, Estados Unidos.

Fonte original: Edridge, A.W.D., Kaczorowska, J., Hoste, A.C.R. et al. Seasonal coronavirus protective immunity is short-lasting. Nat Med 26, 1691–1693 (2020). https://doi.org/10.1038/s41591-020-1083-1.

Por Humberto Júnior

Deixe seu Comentário