Em entrevista a um programa radiofônico na capital o Procurador Geral do Estado, advogado Fábio Andrade, pediu mais diálogo do prefeito de João Pessoa Luciano Cartaxo0 (PV), para com o governador João Azevêdo (Cidadania), no tocante as medidas que o prefeito pretende adotar dentro da cidade sobre a pandemia do novo coronavírus.

“Esperamos que o prefeito venha discutir sobre esse assunto com o governador. Quanto mais diálogo houver, mas chances haverão das medidas se tornarem realidades”, disse o procurador se referindo à decisão do prefeito Luciano Cartaxo de fechar as praias e os parques da cidade.

O procurador geral do Estado da Paraíba, Fábio Andrade, advertiu para que os prefeitos cumpram as determinações expedidas no decreto do governo do Estado, que ditam medidas de combate ao coronavírus. Caso contrário, quem descumprir sofrerá sanções da Justiça. “Eu quero crer que todos os prefeitos dos municípios paraibanos irão ficar alinhados com o decreto estadual. É muito importante ainda manter o isolamento social, pois é a única forma de mantermos a curva achatada na Paraíba, embora já haja registros de que a cada dia aumenta o número de casos e que só não estão maiores, exatamente, por conta do isolamento”, disse.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PB tem 3ª maior taxa de cumprimento do distanciamento social no Nordeste

Uma pesquisa coordenada pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel), mostra que a Paraíba tem a terceira maior taxa de população que cumpre medidas de distanciamento social durante a pandemia de…

HU de Campina Grande comemora primeiras altas de pacientes com Covid-19

O Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC), da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e vinculado à Rede Ebserh, teve suas primeiras altas de pacientes com Covid-19. As duas mulheres, uma…