Por pbagora.com.br

Pela primeira vez que que o Consórcio de Imprensa passou a atualizar os números da Covid-19, a Paraíba apareceu como um dos estados que mais apresentou queda no índice de morte provocadas pelo novo coronavírus. Na dinâmica dos números, essa foi a segunda vez que à Paraíba saiu da zona de instabilidade para a área que representa queda nos casos de óbitos. A diferença é que dessa vez o Estado apresentou uma redução de 33% do número de óbitos causados pela Covid-19.

A Paraíba passou duas semanas na zona de instabilidade, ou seja, que não apresentaram queda nem número elevado de óbitos. Nesse final de semana, voltou para a faixa azul, segundo levantamento do Consórcio de Imprensa divulgado nacionalmente.

Apesar da redução, os infectologistas e as autoridades autoridades sanitárias e epidemiológicas, reforçam a importância dos paraibanos não relaxarem nas medidas de isolamento social, visto que o vírus ainda está circulando em todos os municípios do Estado.

O secretário de Saúde Geraldo Medeiros, tem defendido insistentemente, o distanciamento social e o uso de máscara e álcool em gel como medidas eficazes para evitar a contaminação do vírus.
Os dados no entanto, ainda são elevados. A Paraíba tem 122.713 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgadas neste domingo (4). O número de mortes confirmadas por Covid-19 subiu para 2.851 no estado desde o início da pandemia. Todos os 223 municípios paraibanos registraram casos da doença.

Severino Lopes
PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Anticorpos contra covid-19 duram pelo menos sete meses, aponta estudo

Uma das questões que mais tem suscitado interesse e investigação por parte da comunidade científica, desde o início da pandemia, é perceber se os organismos de doentes com covid-19 são…

UFPB coordenará pesquisa em domicílio para testagem de covid-19

O Observatório de Síndromes Respiratórias da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) coordenará pesquisa em domicílio para testagem de covid-19 em 9,6 mil paraibanos. O estudo por amostragem terá início em novembro e…