Por pbagora.com.br

Com a Covid-19 se espalhando por toda a Paraíba, e afetando todos os setores e categorias, 85 profissionais que atuam em feiras localizadas em João Pessoa testaram positivo para a Covid-19, até esta quinta-feira (23). Os testes foram feitos durante ações preventivas realizadas, desde a última segunda (20), pela prefeitura da capital para evitar a propagação do novo coronavírus com a volta de atividades nas feiras da cidade.

Os feirantes que testaram positivo foram encaminhados para Unidades de Saúde da Família. Já os feirantes que testaram negativo, receberam crachás que comprovam que estão aptos para voltar ao trabalho.

Até o fim da sexta, todos os feirantes da capital irão receber orientações sobre cuidados e prevenção ao novo coronavírus, passando ainda pela aferição de temperatura, vacinação contra a influenza, testes rápidos para a covid-19, além de receber equipamentos de proteção individual (EPIs), como máscaras e protetores faciais.

Ao todo, a Paraíba tem 73.104 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgadas nesta quinta-feira (23). O número de mortes confirmadas por Covid-19 subiu para 1.618 no estado desde o início da pandemia. Já são 221 cidades da Paraíba com casos registrados da doença.
Os casos continuam aumentando e a Paraíba segue entre os 11 Estados do Brasil que está com elevado índice de taxa de morte pela Covid.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Começam inscrições para processo seletivo de 54 médicos para o Hospital de Trauma

Começam nesta terça-feira (11) e seguem até a próxima segunda-feira (17), as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado para contratação temporária de médicos para atuar no Hospital de Emergência e…

Saúde da PB alerta profissionais sobre Síndrome Pediátrica associada à Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou, nessa segunda-feira (10) uma Nota Técnica alertando profissionais de saúde e secretarias municipais de saúde sobre a ocorrência e notificação imediata obrigatória…