O Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) deu um prazo de 24h para a diretoria da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) dos Bancários fornecer a escala médica de plantão completa.

De acordo com o diretor do Departamento de Fiscalização do CRM-PB, João Alberto Pessoa, é crescente o número de reclamações em relação à sobrecarga de trabalho da equipe médica da unidade.

“O déficit de profissionais gera sérios prejuízos e risco ao atendimento da população e à segurança do ato médico”, destacou. O diretor acrescentou que se a escala não for entregue nesta sexta-feira (21), a unidade será interditada eticamente a partir do sábado (22).

PB Agora

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

SUS amplia público para vacinas contra febre amarela e gripe

A partir de 2020, o Sistema Único de Saúde (SUS) passará a ofertar uma dose de reforço da vacina de febre amarela para crianças com 4 anos de idade. O…