O governador João Azevêdo descartou a necessidade imediata de implementação de fechamento total (“lockdown”) na Paraíba. João Azevêdo afirmou que a implementação requer um estudo mais avançado e ele espera que não seja necessário que ocorra.

João Azevêdo explicou que, se os dados dos estudos demonstrarem a necessidade, vai ser implementado sem nenhum problema.

O governador esclareceu que a definição vai depender do comportamento das pessoas e do respeito ao isolamento social.
A Paraíba tem 1.361 casos confirmados de contaminação pelo novo coronavírus, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgadas nesta segunda-feira (4). O número de mortes confirmadas por Covid-19 subiu para 85 no estado desde o início da pandemia. Cinco cidades da Paraíba registraram seus primeiros casos.

Ao todo, foram 142 novos casos foram confirmados desde o último boletim. As cidades de Alagoinha, Mataraca, Nova Floresta, Pirpirituba e Uiraúna registraram os seus primeiros casos de pacientes infectados pelo novo coronavírus (Covid-19).

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

MP recomenda e prefeito deve proibir fogueiras juninas em Campina Grande

O feriadão antecipado como forma de diminuir a circulação de pessoas em Campina Grande, e consequentemente, os riscos de contaminação do novo coronavírus, terminou,mas as medidas de restrições continuam. A…

Policiais penais recuperados vão doar plasma para pacientes com a Covid-19

A Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap) iniciou uma campanha para que policiais penais recuperados da Covid-19 possam, de forma voluntária, doar plasma convalescente como alternativa terapêutica em pacientes…