A capital paraibana tem o maior índice de obesidade do Nordeste e mais da metade de sua população está acima do peso, segundo o Ministério da Saúde. A obesidade é tema de prevenção durante o mês de outubro e, em alusão a essa causa, no próximo domingo, dia 21 de outubro, ocorrerá a 1ª Caminhada Nacional de Combate à Obesidade. O evento será promovido pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM) e tem como objetivo conscientizar a população sobre o problema. Na Paraíba, a ação acontece no Parque Solon de Lucena, às 9h.

 

A caminhada terá duração de aproximadamente 50 minutos e tem o propósito de alertar a população para a importância da atividade física e da alimentação saudável na melhoraria da qualidade de vida e prevenção do excesso de peso.

 

Simultaneamente, o evento ocorrerá também em Brasília, Goiás, São Paulo, Curitiba, Vitória, Campinas, Bauru, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Recife, João Pessoa, Manaus, São Luís, Porto Velho e Fortaleza. Além disso, durante a ação, que será coordenada por cirurgiões, educadores físicos e profissionais multidisciplinares, será realizado um atendimento ao público para diagnóstico de sobrepeso, obesidade e orientações sobre o nível de peso. Também terão aulas abertas à população com atividades físicas.

 

De acordo com o presidente do Capítulo da Paraíba na SBCBM, o médico cirurgião Augusto Almeida, quase 90 mil obesos mórbidos necessitam de cirurgia bariátrica na Paraíba, e em todo o Brasil esse número chega a 5 milhões. Ele explica que a caminhada e a campanha anual de prevenção é uma forma de impedir que esses números aumentem.

 

“Durante a caminhada serão colocados alguns assuntos para a conscientização de prejuízos que a obesidade acarreta. A gente está querendo ver se não continua esse crescimento geométrico”, comentou.

 

Redação

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Temos que diminuir o nº de mortes no trânsito”, diz superintendente do Detran

Nos últimos sete anos, cerca de 10 mil pessoas perderam a vida em acidentes de trânsito na Paraíba, especialmente em acidentes envolvendo motocicletas esses números preocupam o Governo do Estado…