Por pbagora.com.br

 Famílias de Campina Grande e de outras cidades do Compartimento da Borborema, que têm crianças com microcefalia e outros transtornos neurológicos, agora tem mais um aliado no enfrentamento desse problema. Trata-se de um projeto de pesquisa e outro de extensão, desenvolvidos pelo Departamento de Fisioterapia da Universidade Estadual da Paraíba, que estão sendo responsáveis pela disseminação de uma iniciativado Fundo das Nações para a Infância (Unicef). Por meio desse projeto, teve início na manhã dessa quarta-feira a distribuição de kits multissensoriais destinados ao tratamento de bebês com microcefalia.

Nessa tarefa, o Unicef tem no Brasil a parceria da Fundação Altino Ventura. A entrega de 40 kits de estimulação multissensorial às mães cujos bebês têm microcefalia e outros transtornos neurológicos, ocorreu no auditório do Departamento de Fisioterapia da Universidade Estadual da Paraíba, Campus de Campina Grande. A iniciativa, segundo a professora Eliane Nóbrega Vasconcelos, faz parte do projeto de extensão “Microcefalia em bebês de risco” e do projeto de pesquisa em microcefalia, que ela coordena na instituição de ensino superior.

 

A UEPB vem acompanhando bebês com este problema há nove meses e atendendo há cerca de 20 outras crianças com diferentes deficiências. Desenvolvida pelo Departamento de Fisioterapia, a campanha intitulada “Estimulação e Desenvolvimento” está dividida em quatro etapas: reprodução dos kits de estimulação multissensorial para crianças de zero a três anos; distribuição de calças de posicionamento; confecção de mini kits para crianças de zero a quatro anos; e aplicação de protocolo de acompanhamento de crianças com transtorno de desenvolvimento, na faixa etária de zero a três anos. O mini kit é formado por uma placa e um chocalho. Segundo a professora Eliane Nóbrega, esse material promove a estimulação visual, tátil, auditiva e motora.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Trauma de CG fez mais de 7 mil atendimentos em novembro e quedas têm maior número de vítimas

O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, que integra a rede hospitalar do Governo do Estado, prestou no mês de novembro 7.814 atendimentos no…

João Almeida sofre acidente enquanto atuava como PRF e é hospitalizado

O vereador e ex-candidato a prefeito de João Pessoa, João Almeida, sofreu um acidente na noite de ontem, terça-feira, 1º, enquanto trabalhava como policial rodoviário federal. João estava atuando no…