Por pbagora.com.br

Dados do Hospital de Emergência e Trama Dom Luiz Gonzaga Fernandes, revelam aumento do número de atendimentos a pessoas que foram picadas por cobras. O aumentou foi 68,4% de janeiro até a primeira quinzena de julho deste ano.
Ainda de acordo com o hospital, a alta ainda é mais evidente quando os dados são comparados com as notificações de 2018, quando 94 pessoas deram entrada na unidade após terem sido picadas.

Já a quantidade de acidentes envolvendo picadas de escorpião, atendidos no hospital nos primeiros seis meses de cada ano, se manteve estável entre um período e outro. Foram 1.119 pessoas atendidas após serem picadas pelo inseto no primeiro semestre de 2020, enquanto no mesmo período de 2019, 1.125 pacientes foram ao hospital.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Brasil tem 94.781 mortes por coronavírus confirmadas até as 8h desta terça-feira

O Brasil tem 94.781 mortes por coronavírus confirmadas até as 8h desta terça-feira (4), segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de…

Especialista explica como ouvir e lidar com as emoções das crianças durante a quarentena

Mudança da rotina, isolamento social, saudade dos colegas e dos professores, a preocupação dos pais e a falta de respostas sobre o futuro são alguns fatores que mexem com as…