A Paraíba o tempo todo  |
PUBLICIDADE

Atendimento de pacientes no Laureano passa a ser regulado exclusivamente pela Central de Regulação de JP

A Central de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de João Pessoa passou a ser o único serviço responsável por regular os atendimentos de pacientes oncológicos. Para isso, foi desenvolvido um novo fluxo de marcação para consultas, exames e procedimentos oncológicos que contempla usuários dos 223 municípios da Paraíba.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Luis Ferreira, a Central de Regulação de João Pessoa já era responsável por marcar a maioria dos atendimentos oncológicos, com exceção das marcações em oncologia clínica, oncohematologia e oncopediatria, que eram realizadas diretamente pelo Hospital Napoleão Laureano. Ele explicou que, em conjunto com a própria instituição e o Ministério Público Federal (MPF), foi decidido pela elaboração de um novo fluxo de regulação para esses atendimentos.

“Como principal contratante, a Prefeitura de João Pessoa terá o controle das regulações que são encaminhadas para aquela instituição. Com isso, nossa intenção é dar mais celeridade e humanização aos atendimentos, possibilitando o acesso a todo e qualquer cidadão que, porventura, venha a necessitar”, afirmou.

Após a elaboração de um novo fluxo, desenvolvido pelo Grupo Condutor de Oncologia da Central de Regulação, teve início, no último mês de março, um processo de transição na marcação dos procedimentos de oncologia para os hospitais Napoleão Laureano e São Vicente de Paulo, que recebem pacientes oncológicos de todo o estado.

Novo fluxo de atendimento

Conforme o novo fluxo, o usuário residente em João Pessoa com suspeita clínica de câncer ou um familiar do usuário deve se dirigir diretamente à Central de Regulação com solicitação médica e cópia dos documentos pessoais (RG, CPF, cartão SUS e comprovante de residência) para triagem e encaminhamento à consulta com especialista em oncologia.

Da mesma forma, os pacientes que já possuem diagnóstico, que buscam acesso a tratamento ou ao exame PET-CT, também devem se dirigir à Central de Regulação com as respectivas solicitações médicas e exames necessários. Já os usuários não residentes na Capital, deverão ser encaminhados pelos seus municípios para ter acesso aos atendimentos oncológicos.

“Para as consultas com especialista, o usuário deve comparecer no dia do agendamento portando os exames comprobatórios e outros que possam subsidiar o diagnóstico. Não possuir e portar esses exames pode comprometer a consulta”, alertou Ramahyana Alves, coordenadora do Grupo Condutor de Oncologia da Central de Regulação.

Serviço

Para mais informações sobre os agendamentos de consultas oncológicas, o usuário pode entrar em contato com a Central de Regulação de João Pessoa através dos telefones: 3213-7630/3213-7628. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, e está localizado na Avenida Rio Grande do Sul, nº 1.280, Bairro dos Estados.

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe
      PUBLICIDADE
      ×