Por pbagora.com.br

Na última assembleia realizada pela categoria dos ACS e ACE, para discutir sobre o reajuste do DataBase, ficou definido pela categoria que nesta terça-feira (07) e quarta-feira (08) de fevereiro haverá uma paralisação de advertência, com ato público na Praça da Bandeira, a partir das 09 horas.

O vice-presidente do Sintab Giovanni Freire diz que a prefeitura tratou os agentes de saúde de forma desleal.

“Descumpriram todos os acordos acertados e prejudicaram o progressismo na carreira”, declarou Freire.

 

Entre os motivos que ocasionaram a paralisação e a sinalização de greve, estão os descumprimentos do PCCR, da progressão de carreira, quebrando o acordo para encerrar a última greve de 2016; o reajuste do DataBase; além da falta de material de expediente e Equipamentos de Proteção Individual (EPI), que há dois anos não são renovados, e em alguns casos, não foram sequer entregues.



PB Agora

Notícias relacionadas

Brasil chega a 375 mil mortos por Covid; país registrou 1.607 mortes em 24 horas

O país registrou 1.607 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas e totalizou nesta segunda-feira (19) 375.049 óbitos desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes…

Mais de 100 curados da covid-19 recebem alta no Trauma de JP em 56 dias

A cada alta, os pacientes que deixam o Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, recebem aplausos da equipe multiprofissional que os acolheu. A ação…