A Paraíba o tempo todo  |
PUBLICIDADE

41% das violações contra idosos são de negligência; especialista dá dicas para manter autonomia dessa população

O Brasil tem 37,7 milhões de pessoas que possuem 60 anos ou mais. Segundo dados da Campanha Nacional de Enfrentamento à Violência contra a Pessoa Idosa, os números de violações contra essa população representam 30% do total de denúncias recebidas pelo Disque 100. A negligência consiste na violação com maior volume de denúncias com 62.019 registros, representando 41% do total de violações.

Nesta quarta-feira (15), Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, o médico de Família do Hapvida, Bruno Sampaio, destaca a importância de cuidar bem dos idosos, mantê-los com autonomia e levá-los periodicamente a profissionais de saúde.

Bruno Sampaio afirma que é cada vez maior o desafio de cuidar bem dessa população. “Muitas famílias têm um idoso dentro de casa. Esse familiar, esse cuidador, precisa garantir a autonomia desse idoso”, disse.

O especialista recomenda que prática de atividade física, alimentação saudável e vida social ativa são fatores essenciais para garantir essa autonomia e independência do idoso.

Segundo o médico do Hapvida, é preciso estar atento a sinais de adoecimento deste idoso. “Alterações do sono, presa de apetite, sinais de agressividade, ansiedade ou depressão são motivos para procurar a ajuda de um profissional de saúde”, informou.

Mais dados – Estudo do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), com base em informações do IBGE, revela que dos 37,7 milhões de idosos 18,5% trabalham; 85% moram com outras pessoas; 21% moram com estudante; 32% têm plano de saúde; e 58% apresentam comorbidades.

Doenças – Segundo o Estudo Longitudinal de Saúde dos Idosos Brasileiros, sete em cada dez idosos sofrem de ao menos uma doença crônica. A mais comum é a hipertensão, seguida por dores na coluna, artrite, depressão e diabetes.

Os problemas mais comuns em idosos são: Infarto, AVC, Diabetes, Enfisema pulmonar, Mal de Alzheimer e outras demências, Perda de audição, Hipertensão arterial, Pneumonia, Osteoartrose e Catarata.

PB Agora

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe