Por pbagora.com.br

O investimento que o ex-prefeito de Cabedelo, Leto Viana fazia em algumas campanhas de candidatos a vereador na cidade ultrapassava R$ 1 milhão. Foi o que revelou durante o seu depoimento nesta segunda-feira, o ex-presidente da Câmara Municipal de Cabedelo e colaborador da Operação Xeque-Mate, Lucas Santino da Silva.

Santino disse que Leto era o cabeça do esquema e após investir nas campanhas usava o poder de barganha para fazer os vereadores renunciarem.

“O ex-prefeito liderava essa quadrilha. Ele fazia um levantamento de quem poderia vencer como vereador e investia na campanha dessas pessoas, mas exigia a assinatura de uma carta denúncia, Assim, em caso de vitória, Leto Viana tinha o poder de barganha na Câmara dos Vereadores e na Prefeitura Municipal”, revelou.

Ainda nesta segunda devem ser ouvidos os colaboradores José Ediglei Ramalho, Rosildo Pereira de Araújo Júnior, Olívio Oliveira dos Santos e Gleuryston Vasconcelos Bezerra Filho.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sheherazade começa em novo emprego menos de 24h após deixar SBT

Em menos de 24 depois de ser dispensada pelo SBT, a jornalista paraibana Rachel Sheherazade já foi contratada e fará parte da equipe do Metrópoles, a partir desta terça-feira (29).…

Veja a agenda dos candidatos à Prefeitura de João Pessoa nesta quarta-feira

Os candidatos à Prefeitura de João Pessoa realizam visitas, reuniões e panfletagens nesta quarta-feira (30), em João Pessoa. Confira os detalhes! Vejam as agendas: Anísio Maia (PT) Continue Lendo 09h…