O vereador de João Pessoa, Chico do Sindicato (Avante) deixou clara sua vontade de seguir suas ideologias no que trata de apoios para 2018. O parlamentar destacou que não teme ser expulso ou convidado a sair da sigla, da qual faz parte, caso se mantenha divergente durante as eleições para o Governo Estadual.

 

Atualmente, Chico faz parte da bancada do governo na Câmara da Capital e apoia o projeto do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) que diverge com o projeto defendido pelo seu colega na Casa de Napoleão Laureano, Humberto Pontes (Avante) e do presidente estadual da sigla, o deputado estadual, Genival Matias.

 

Indagado sobre essa divergência, Chico disse que só deve satisfação a Deus e ao povo que votou nele, e se ele tiver o mesmo destino do deputado estadual Tião Gomes (PSL-Livres) que teve que sair da sigla por não concordar  com as decisões tomadas, ele não teme.

 

"Nós temos dois vereadores, eu sou de uma bancada e meu colega de outra. E o que for melhor para João pessoa eu vou apoiar, mas a decisão só virá no próximo ano, ai vamos tomar a decisão correta. Eu não tenho como seguir orientação de Genival. Ele nos deixou muito a vontade, tenho carinho e respeito por ele, em nenhum momento ele fez pressão para gente ir para um lado ou para outro, mas não me preocupo com partido. Não fui eleito por partido e sim pelo povo de João Pessoa. Eu só devo satisfação a dar a Deus e ao povo. Não estou preocupado, se o partido achar que devo sair não tem problema", explicou o parlamentar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Socialista vai consultar Galdino e Vené sobre assumir Cidadania em CG

Assim como em João Pessoa, o comando do Cidadania em Campina Grande também deverá recair sob o comando de um Bruno, mas não o Cunha Lima. Enquanto na Capital do…

Articulação deve colocar MDB na vice de Ana Cláudia em CG e voltar a unir Vené e Maranhão no mesmo palanque

As articulações em torno de uma aliança entre o Podemos eu MDB em Campina Grande devem abortar a possibilidade de filiação do ex-deputado estadual Bruno Cunha Lima (sem partido) aos…