Mais uma mudança pode acontecer na Câmara Municipal de Campina Grande.
O vereador Rodrigo Ramos (CG), ainda formalmente vinculado ao PDT, cogita pedir licença de seu mandato ao longo das próximas semanas.

Caso decide mesmo pelo afastamento de 120 dias, ele , abrirá espaço para o suplente da vez: o sindicalista Napoleão Maracajá.

Desde 2017, que Napoleão Maracajá sonha em voltar a CMCG. Nas últimas eleições municipais, ele conseguiu um crescimento expressivo na sua votação, mas esbarrou no quociente eleitoral e ficou na 1ª suplência para a  legislatura atual.

Na gestão do ex governador Ricardo Coutinho, Rodrigos Ramos foi sondado para assumir uma secretaria no Governo do Estado, o que abriria vaga para Napoleão Maracajá na Câmara Municipal, o que não aconteceu.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Cícero Lucena troca PSDB de Cássio por PP de Aguinaldo Ribeiro

Uma das novidades no último dia para filiação partidária, neste sábado (04), foi a filiação do ex-senador Cícero Lucena aos quadros do Progressistas na Paraíba. O caboclinho, como é conhecido,…

Eva Gouveia deixa secretária municipal, para concorrer à CMCG

Buscando atender à legislação eleitoral, já que pretende disputar uma vaga na Câmara Municipal de Campina Grande, a secretária de Assistência Social, Eva Gouveia, pediu demissão do cargo neste sábado,…