A Paraíba o tempo todo  |

Um dia após encontro com João, Veneziano tem reunião com direção estadual do PT

Em entrevista à emissora de rádio de João Pessoa, nesta quinta-feira (20), o presidente estadual do Partido dos Trabalhadores (PT) na Paraíba, Jackson Macêdo, revelou ter conversado sobre articulação política para as eleições deste ano com o senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB). O encontro aconteceu logo após o senador ter estado na Granja Santa para diálogo com o governador João Azevêdo (Cidadania).

Para Jackson, Veneziano sinalizou alinhamento político com as pautas defendidas pelo PT na Paraíba e nacionalmente. No entanto, Jackson fez questão de cobrar do parlamentar um posicionamento político para as Eleições 2022, principalmente, se será candidato ao Governo do Estado no pleito deste ano.

– Veneziano precisa tomar uma decisão ainda se será candidato ou não. Eu disse isso a ele hoje pela manhã, após uma conversa que nós tivemos. E a gente tem conversado sobre a conjuntura da Paraíba e do país, e a gente percebe muita convergência para o que queremos para o Estado, o Brasil. Eu acho que é uma candidatura extremamente importante se ela de fato for posta. Colocando, logicamente que o PT levará em consideração essa possibilidade, caso ele decida apoiar o nome do presidente Lula”, argumentou o presidente estadual do PT.

Ainda de acordo com Jackson Macêdo, Veneziano destacou que pretende ampliar ainda mais o debate dentro do MDB, inclusive envolvendo a executiva nacional da sigla.

Jackson revelou que Veneziano tem dialogado com a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann com o intuito de aproximar o diálogo com o presidente nacional do MDB, Baleia Rossi para juntos debaterem em torno da possibilidade de o MDB caminhar junto com a candidatura de Lula à Presidência da República.

– Ele me disse ainda que tem conversado muito com o presidente Baleia Rossi, também conversou com a nossa presidente Gleisi Hoffmann e isso é importante para manter essa boa relação de convivência entre os dois partidos. Eu particularmente acho que a gente pode montar nos próximos dias uma agenda com o presidente Lula para escutá-lo sobre o caso da Paraíba, porque tem um movimento nacional muito forte do MDB, principalmente do Nordeste, em estar no palanque do presidente Lula. A gente acompanha isso e sabe que vai ter muita influencia em uma decisão nacional”, revelou.

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe