Por pbagora.com.br

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou que o vice-prefeito de Taperoá, Francisco Antônio, conhecido com Junior de Preto (MDB), deve retornar ao cargo de prefeito imediatamente, com isso, a eleição indireta que estava marcada na cidade fica suspensa.

Junior de Preto havia sido afastado do cargo que ocupava por decisão da maioria do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB), por quatro votos a favor e três contra por acusações de conduta vedada, abuso do poder político e econômico e captação ilícita de sufrágio.

Na decisão do TSE o ministro Sérgio Silveira Banhos considerou que há dúvida sobre a robustez das provas contra o prefeito e decidiu que ele não precisa ser afastado enquanto as investigações ocorrem.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Nada de institucional”, diz presidente estadual do PCdoB sobre Bolsonaro na PB

Nem tudo vai ser mar de flores para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que visita hoje (17) a cidade de Coremas, no Sertão da Paraíba. Segundo a presidente estadual…

PSB registra ex-vereadora Paula Frassinete vice na chapa de RC na disputa de JP

A executiva municipal do PSB em João Pessoa registrou junto ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba a candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) à sucessão municipal, tendo como vice a…